Envie agora seu testemunho para a Raboni.
 

 

"Um grande milagre em Agosto de 2005 , Márcio das Graças Castro , 55 anos , começou a sentir fortes dores de cabeça. Apos vários dias de consultas médicas, foi diagnosticado meningite. Comprovado esse diagnostico, os médicos disseram que suas chances de vida eram minimas, pois o quadro clínico era muito grave.

Mesmo diante de enorme tristeza e desespero, nunca perdemos a Fé. Por isso pedimos a nossa amiga, Dona Cleusa, que rezasse pela sua recuperação. Durante vários dias ela rezou o Terço da Libertaçao, pedindo a Jesus que o curasse. E na certeza de que seria atendida, mandaria publicar esta graça alcançada. Hoje esse homem maravilhoso, ápos enfrentar inúmeros dias em um leito de hospital, inclusive na UTI, se encontra no seio de sua família, compartilhando as alegrias da vida diante disso, não há duvidas de que sua cura foi realizada pelas mãos poderosas de Jesus, um grande milagre aconteceu. Sua filha Marcia de Castro." (Carmo do Parnaiba-MG)

_________________________________________________________________________

"Estive com a arma na mão para cometer uma loucura, quando vi sobre a cama o livro Terço da Libertação. Comecei a rezar na mesma hora. Deixei a arma de lado, e até a dor muito forte que eu sentia no coração se foi. Senti-me aliviada. Graças a Deus eu me libertei e quero que todos saibam o poder que Jesus Cristo tem. Seja qual for o seu problema, acredite: Jesus jamais o deixará!!!"
(M./Campo Grande)

_________________________________________________________________________

"No dia 18 de janeiro de 1997, meus filhos e seus amigos estavam brincando na frente da minha casa; pedi-lhes que saíssem de lá, e eles obedeceram. Em seguida um carro desgovernado entrou até o meio do meu jardim. Tenho certeza de que Jesus estava conosco, pois há tempo venho rezando o Terço da Libertação para a minha família. Louvo e agradeço a Jesus pela graça recebida nesse dia e também pela vida do motorista."
(Célia/Monte Mor)

_________________________________________________________________________

"Meu filho que mora no Paraná ficou doente de repente e foi hospitalizado em estado gravíssimo. O diagnóstico era amputação das duas pernas. Minhas netas e eu fomos para casa, ajoelhamos e oramos a noite toda o Terço da Libertação.

Na manhã seguinte, recebemos a notícia de que os remédios estavam fazendo efeito e talvez não fosse mais ser preciso amputar as pernas. Novamente rezamos o Terço da Libertação.
Glória a Deus! Ele está curado e trabalhando."
(Parque Brasília/Campinas)

_________________________________________________________________________


"Recebi a graça da cura do meu filho viciado em crack. Quando soubemos que nosso filho era viciado, procuramos médicos, psicólogos, etc. Eles nos disseram que ele se encontrava num estado muito avançado (havia emagrecido 22 quilos em dois meses) e que dificilmente largaria a droga sem uma internação de pelo menos nove meses.

Imediatamente comecei a rezar o Terço da Libertação. Entreguei meu filho de 19 anos nas mãos de Jesus, com tanta fé, convicção e esperança de que ele seria curado, salvo e liberto, que Jesus me ouviu. Ele nunca mais se envolveu com droga, não precisou ser internado, nem receber tratamento.

Hoje ele trabalha no serviço que queria muito. Não tenho mais palavras para agradecer e louvar por tão imensa e maravilhosa graça.
Louvo e agradeço a Deus Pai por nos ter dado Jesus!"
(Cleunice/Ituverava)

_________________________________________________________________________

"É com grande alegria que escrevo para dar meu testemunho. Sou médico e sofri uma fratura na coluna que necessitou de tratamento cirúrgico, o que me deixou muito preocupado. Através de amigos fui informado sobre o grupo de oração Raboni, que se reúne na Igreja do Rosário em Campinas, SP.

No primeiro dia em que fui lá (dias antes da cirurgia), fui presenteado com o livro Terço da Libertação, que passei a rezar todos os dias, pedindo que a cirurgia corresse bem. Fui operado, e a cirurgia transcorreu sem nenhum contra tempo. Porém, após examinar-se a peça cirúrgica, foi encontrado um tumor.

Continuei rezando o Terço da Libertação, pedindo a Jesus que me guiasse para médicos competentes que pudessem orientar o tratamento adequado para esse tumor. Foi então proposto um tratamento incluindo quimioterapia e transplante de medula óssea, o qual iniciei com muita fé, sempre rezando o Terço da Libertação, pedindo que o tratamento transcorresse sem quaisquer obstáculos e que ao final deste eu estivesse completamente curado.

Mais uma vez alcancei a graça solicitada: o tratamento quimioterápico e o transplante transcorreram sem complicações, e hoje estou curado graças à oração do Terço da Libertação.
Louvo e glorifico ao Senhor pela graça maravilhosa que recebi!"
(Mauro/Campinas)

_________________________________________________________________________

"Conheci o livro Terço da Libertação e pedi ao meu filho que o comprasse. Ele e eu começamos a fazer essa oração todas as noites. O meu filho trabalha na indústria do açúcar e do álcool e, no serviço em que ele trabalha, usa muita cal, que é um produto realmente perigoso.

No dia 11 de maio de 1998, ele foi ajudar um caminhão basculante a descarregar a cal numa caixa grande e vazia, de três metros de altura. A tampa da carreta bateu no meu filho, e ele caiu dentro da caixa. O motorista não viu meu filho cair e levantou a caçamba da carreta para despejar a cal. Graças a Deus, o cal não caiu! Deu tempo de ele sair são e salvo, e logo depois a cal caiu.

Nós compreendemos que foi a mão de Deus que segurou a cal e não deixou que ela caísse sobre o meu filho, soterrando-o. Essa cal é como soda. Escrevo este testemunho porque foi uma grande graça que meu filho recebeu através do Terço da Libertação, porque só Jesus salva, só Jesus cura e só Jesus liberta!
Obrigada, Jesus! Bendito seja o Senhor Jesus e a nossa Mãe Maria santíssima!"
(Beatriz/Paraguaçu Paulista)

_________________________________________________________________________

"Sou uma jovem de 15 anos, moro em Garanhuns e louvo ao Senhor pela minha salvação através do Terço da Libertação. No dia 1º de janeiro passei por momentos muito difíceis na minha vida. Fui passar o fim de semana na praia com meus familiares e eu me afoguei na praia Enseada dos Corais, em Recife.

Desmaiada, as águas iam me levando; atingi os corais e, depois dos corais, já é o alto-mar. Tiraram-me praticamente morta, sem oxigênio no cérebro, no sangue e no pulmão também. Fiquei quatro dias na UTI e fui desenganada por oito médicos. Quando meus familiares souberam, ajoelharam-se, e minha avó, juntamente com minha mãe, clamaram o nome de Jesus através do Terço da Libertação.

Resumindo, disseram que eu poderia ficar cega, ter coágulo no cérebro e usar remédios controlados, pois poderia ter convulsões. Saí da UTI consciente, sadia e com bastante fé em Deus. Recebi essa graça maravilhosa de Jesus pela oração do Terço da Libertação.

Eu comecei a propagar esse terço a todos aqueles que encontro, para que as pessoas possam receber, também, diversas bênçãos e louvar e bendizer eternamente o nome santo de Jesus. Eu Te louvo e Te agradeço, Senhor Jesus, por essa graça! Louvado e bendito seja o santo nome de Jesus!"
(Ana Karla/Garanhuns)

_________________________________________________________________________

"Alcancei uma graça através da oração do Terço da Libertação. Rezo sempre com vocês no programa Raboni e você.

Tenho um filho que fazia trinta anos que estava desaparecido, e eu não sabia se ele estava vivo ou morto. Então, assistindo aos seus programas, resolvi rezar pedindo a Jesus que Ele me trouxesse alguma notícia de meu filho neste Natal. Pedi com muita fé.

Na semana do Ano Novo, ele ligou para a cidade de Natal, RN, para a casa do meu outro filho. Depois de falar com o irmão, ele me ligou prometendo vir em março para me ver. Foi a maior graça que já alcancei em toda a minha vida.
Louvado seja Deus!"
(Luiza/Patos)

_________________________________________________________________________

"No dia 18 de maio de 1998 conheci o Terço da Libertação, e desde então ele passou a fazer parte do meu dia-a-dia. Meu filho trabalha em uma firma e coube a ele levar o pagamento à esposa de um dos funcionários.

Chegando em casa, notei seu rosto abatido e muito preocupado, me olhando sem nada dizer. Quando ele conseguiu sair do seu silêncio, contou-me o ocorrido. Seu colega de serviço estava com a esposa muito doente, com câncer já em fase terminal.

Seus dias estavam contados: 33 dias. Isso foi no dia 5 de junho. Comecei então a rezar o Terço da Libertação em intenção dessa senhora que nem conheço, dela sabendo apenas o nome e que tem duas filhas menores. Durante 15 dias não fiz outra coisa a não ser rezar o Terço da Libertação.

Quando menos espero, meu filho chega com a notícia de que a esposa do amigo havia feito novos exames e, para a maior surpresa, ela havia tido uma melhora deixando os médicos espantados. A sua recuperação foi comprovada com outros exames.

Ela estava curada. Recebeu alta. Agradeci a Deus o milagre. Não caí de joelhos porque sou deficiente física, tenho uma perna amputada. Agradeço ao Senhor por tudo o que houve. Muito obrigada, Senhor Jesus! Que todos os que oram o Terço da Libertação possam também dar seu testemunho. Agradeço ao Senhor e que Seu nome seja bendito por todo o sempre!"
(Edilene/Macaé)

_________________________________________________________________________

"Um amigo do meu patrão e sua família vieram passear no sítio de que eu tomo conta. Eram quatro adultos e uma criança de quatro anos. Depois do almoço, eles se esqueceram por uns minutos da criança e, quando foram procurá-la, levaram um choque: ela estava boiando na piscina!

Eles perguntaram à minha esposa se não havia um médico por perto, e ela quis saber se havia acontecido alguma coisa. Quando ela viu a criança, ficou desesperada. O menino estava roxo, todo mole e quase sem vida. Eles o levaram para o pronto-socorro, e a médica que o atendeu fez tudo o que pôde, mas a criança não reagia porque estava muito mal.

A médica disse que a criança estava com lesão cerebral e que só um milagre a salvaria. A criança foi transferida para Sorocaba e, no caminho, teve três paradas cardíacas. No hospital em Sorocaba o menino continuava muito mal e não reagia. Quando eu cheguei ao sítio e não encontrei ninguém, fui até a casa do vizinho, e ele contou-me o que havia acontecido.

Voltei para minha casa e comecei a passar mal, não conseguia ficar tranqüilo porque não sabia como estava a criança. Mesmo assim, peguei o livro Terço da Libertação, e, embora não soubesse o nome da criança, comecei a rezar com toda fé em Jesus: ´Jesus, tem piedade da criança! Jesus, cura a criança! Jesus, salva a criança! Jesus, liberta a criança!´

Às dez horas da noite, minha esposa chegou e disse que o menino estava na mesma. Perguntei o nome dele e rezei novamente o Terço da Libertação para ele. Pedi a Jesus que curasse o cérebro do Douglas, porque a médica de Piedade tinha dito que, mesmo que ele se salvasse, não ficaria normal.

Na terça-feira fiquei sabendo, por uma enfermeira que trabalha no hospital, que a criança não se salvaria. Ela estava no hospital no domingo, quando a criança chegara quase sem vida. Na quarta-feira essa minha amiga enfermeira ligou para o hospital, e a notícia foi a melhor possível: a criança estava passando bem e fora de perigo! Depois de 15 dias liguei para a minha patroa em São Paulo, e ela falou que o Douglas estava ótimo, sem nenhuma lesão.
Graças a Nosso Senhor Jesus Cristo!"
(Mário/Piedade)

_________________________________________________________________________

"Meus irmãos em Cristo, é com muita alegria que quero dar o testemunho da minha cura que se realizou através do Terço da Libertação. Eu tinha uns caroços enormes e doloridos no seio esquerdo por causa de duas pancadas que levei. Já fazia mais de dez anos que eu vinha sofrendo com os terríveis caroços. Às vezes eu quase não conseguia fazer nada, pois doíam muito.

Eu tinha medo de ir ao médico porque era quase certeza que seria um caso para operação. Eu vivia muito aflita e angustiada. No dia 29 de novembro de 1998, eu estava sozinha em casa e liguei a televisão no momento em que começava o programa Raboni e você.

Comecei a ouvir atentamente tudo o que vocês diziam. Quando o Regis falou para colocar a mão no local onde estava doendo, eu coloquei, fechei os olhos e rezei a oração do Terço da Libertação junto com vocês. Regis e Maïsa, eu comecei a adormecer como se estivesse anestesiada, sentindo que algo estava sendo tirado de mim. Jesus estava me operando.

Jesus estava tirando os caroços do meu seio. De repente voltei à realidade, passei a mão no seio e já não existiam mais os caroços. Eu estava completamente curada! Fiquei tão emocionada que chorei muito, muito. Jesus tinha me curado. Eu estava liberta.

Obrigada, Jesus! Só agora, em abril de 1999, fiz uma mamografia e - louvado seja o Senhor Jesus Cristo! - não deu nada. Estou curada!
Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Glória ao Senhor Jesus!"
(Maria do Socorro/Araioses)

_________________________________________________________________________

"É com o coração cheio de gratidão a Nosso Senhor Jesus Cristo e a Maria Santíssima que presto aqui o meu depoimento sobre a maravilha que o Terço da Libertação operou na minha vida.

 Antes de conhecê-lo, eu já tinha o hábito de fazer as minhas orações diárias, pois a comunhão com Deus sempre me deu forças para enfrentar as dificuldades do dia-a-dia. Porém nada me acontecia de tão extraordinário.

Até que um santo dia, minha filha me falou sobre o livro Terço da Libertação e me presenteou com um exemplar. Achei muito emocionantes os depoimentos contidos no referido livro e passei a rezar o Terço da Libertação todos os dias pela minha família e pelas minhas intenções também.

O resultado veio de imediato. Eu tinha um caroço do tamanho de um grão de milho debaixo do olho direito, o qual me incomodava bastante, pois doía, sangrava e crescia assustadoramente. Logo após o terceiro dia que comecei a rezar o Terço da Libertação, dormi com o caroço, por sinal, bastante inflamado, e amanheci sem o mesmo, sem nenhuma marca no local, o que surpreendeu a todos de casa.

Foi realmente um milagre de Jesus através do Terço da Libertação. Tenho obtido, também, outras graças.
Louvado seja nosso Cristo Jesus!"
(Zilda/Fortaleza)

_________________________________________________________________________

"Sou da Comunidade Santa Rita de Cássia de Itapetininga, São Paulo. Em minha comunidade há vários movimentos, embora seja uma comunidade simples, humilde, situada em um bairro pobre onde há conflitos de gangues e drogas.

O grupo de jovens que havia sido fundado nesta comunidade começou a crescer, mas, em dado momento, em decorrência da perdição do bairro, vários jovens saíram do grupo, e ele ficou reduzido a umas quatro pessoas.

Então os membros da liderança, em oração, decidiram que no início do grupo iriam rezar o Terço da Libertação pedindo a Jesus que trouxesse os jovens para o grupo.

E ocorreu que os nossos corações começaram a ter certeza da salvação, e Deus enviou-nos a Palavra que enfatizava não o número de pessoas, mas a força que desce do céu... E o grupo começou a crescer, e as conversões aconteceram.

Rezávamos no início do grupo e percebíamos a força que Jesus ia passando a partir das libertações. Víamos que jovens com problemas de relacionamento familiar, envolvidos com drogas e bebidas, voltavam para Deus. Muitos não tinham nem mesmo os primeiros sacramentos. Então começou a instrução para o batismo, comunhão e crisma.

O grupo de batismo foi muito grande, graças a Deus! No grupo vemos o poder de Jesus libertador. No início do grupo, quando começamos a rezar o Terço da Libertação, a graça de Deus é derramada. Alguns jovens repousam no Espírito, e outros testemunham a libertação.
Louvado seja Jesus!"
(Elisa/Itapetininga)

_________________________________________________________________________

"Escrevo para agradecer duas graças recebidas de Jesus. Há 31 anos dei à luz uma criança. Logo que nasceu, dei-a para outra família e nunca mais a vi... não sabia nem se meu filho existia ainda. Depois que comecei a rezar o Terço da Libertação e a pedir com muita fé, encontrei o meu filho, para a glória do Senhor!

Tenho outro filho, o qual estava em São Paulo e não pensava em voltar para casa. Na hora do Terço da Libertação, no programa Raboni e você, comecei a rezar com todo o meu coração para que o meu filho voltasse. E, pela graça do Senhor, o meu filho voltou para casa.
Graças a Deus! Aleluia!"
(Marinalva/Alagoas)

_________________________________________________________________________

"Queridos irmãos em Cristo, quero através deste testemunho de fé contar como foi uma das minhas libertações. Perdi o meu pai com um pouco mais de 15 anos, em um acidente repentino.

Nunca havia passado necessidade de nada e, graças a Jesus e Maria, não passei, mas as coisas foram apertando. Abri uma escola de idiomas em 1994, e em janeiro de 1998 estava muito endividada e com sérios problemas familiares. Fui para a praia, tentando dar uma folga para minha cabeça. Um dia meu cunhado ligou, dizendo que o banco não quis pagar o cheque do aluguel da escola e a pessoa precisava do dinheiro. Minha família é muito tradicional.

Então, com tantos problemas, decidi que ia me suicidar no mar. Desci do apartamento e fui, mas, antes, resolvi escrever uma carta para o meu marido, minha filha e para minha mãe (porque os amo) e então encontrei na bolsa de minha mãe, que é muito religiosa, o Terço da Libertação. Comecei a chorar e a rezar com muita fé. Precisava de dez mil reais e tinha dois terrenos para vender.

Pedi para vendê-los com urgência por esta quantia. Em menos de três dias o terreno foi vendido por dez mil reais e à vista. Na hora em que recebi o dinheiro me lembrei do Terço da Libertação, porque através dele, por vontade do Senhor, fui atendida.
Louvado seja o nome poderoso de Jesus!"
(***/Auriflama)

_________________________________________________________________________

"Louvo e agradeço a Deus pelas maravilhas que Ele tem feito na minha vida através da oração do Terço da Libertação. Em agosto de 1998 fiquei desesperada e quase fechei a minha loja de laboratório fotográfico. Eu estava devendo 12 mil reais de energia elétrica.

Vendi então o meu carro para pagar a metade dos talões de energia. Para completar o desespero, fiquei oito dias sem mercadoria para trabalhar e, ao mesmo tempo, devendo aos meus fornecedores. Eu tinha medo de entrar na loja, pois não sabia o que falar aos cobradores.

Pedi a Nossa Senhora da Conceição que me desse uma luz. Foi quando me lembrei do Terço da Libertação. Rezei-o durante três dias seguidos, chorando e clamando ao Senhor Jesus que Ele me curasse, salvasse e libertasse daquela aflição.

Para honra e glória do nome do Senhor Jesus Cristo e por intercessão da Virgem Maria, Ele me curou, salvou e libertou. Isso aconteceu no final de agosto. Deus é maravilhoso! Respirei fundo, pedi forças, liguei para o meu fornecedor e contei-lhe a minha situação. Para honra e glória do Senhor, apesar da minha dívida, ele acreditou em mim e mandou-me a matéria-prima necessária.

Em 13 dias de trabalho paguei o que lhe devia, comprei mais 17 mil reais de mercadoria e paguei o restante da conta da energia elétrica. Na loja, ultimamente, não entravam mais de vinte filmes por dia; no dia 8 de setembro chegaram quatrocentos filmes para revelar! Glórias e louvores sejam dados a Ti, Senhor Jesus, de todo o meu coração. Obrigada, Senhor Jesus!"
(Maria do Socorro/Santarém)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo esta carta para dar um grande testemunho do que aconteceu há pouco tempo em minha família. Minha irmã caçula desde pequena sofria de asma, só vivia no médico. Ela tomava vários remédios que os médicos receitavam e que outras pessoas também indicavam.

Mas parece que nada adiantava. As crises asmáticas começaram a se tornar freqüentes. Minha mãe não sabia mais o que fazer.

Como sou muito religiosa, sempre soube que o único que poderia curá-la era Jesus. No dia 27 de fevereiro de 2000, quando eu me arrumava para ir à missa, aconteceu o pior. Ela começou a passar mal, tinha muita falta de ar. Nós a levamos para o hospital, e, ao chegarmos, lá colocaram-na imediatamente no oxigênio, mas nada adiantou.

Ela piorava cada vez mais. Os médicos viram o estado dela e a internaram. Minha irmã começou a desfalecer. Estava roxa e não respirava mais. Os médicos disseram que não havia mais o que fazer. Ela já estava morta.

Nós nos desesperamos, e então lembrei-me do Terço da Libertação. Minha mãe, eu e mais uma senhora - que ao ver a nossa agonia resolveu acompanhar-nos na oração - rezamos com toda a fé e pedimos que Jesus a curasse e tivesse misericórdia, pois tinha certeza que Jesus nos escutaria.

Depois de algumas horas aconteceu um milagre! Minha irmã levantou da cama, tirou os aparelhos e disse bem alto: ´Jesus me curou!´ As pessoas que estavam internadas na mesma sala ficaram espantadas, e Jesus nos mostrou que Ele tem poder de levantar até os mortos.

Como Jesus diz na Sua Palavra: ´Para mim nada é impossível! Tudo é possível ao que crê!´ Nunca duvidei do amor de Deus e quero agradecer a Jesus por tudo o que Ele tem feito pela minha irmã e pela minha família. Obrigada, Jesus!

Quero dizer às pessoas que tudo pode ser mudado pela força da oração. Jesus pode dar tudo o que você quiser, sem nada exigir de volta, porque Ele nos ama e é o único verdadeiro amigo que temos."
(Dinailda/Macapá)

_________________________________________________________________________

"É com muita paz no coração que dou o meu testemunho, para honra e glória de nosso Deus que opera milagres na vida daqueles que nEle confiam. Fui submetida a uma cirurgia para retirada de dois nódulos da tireóide. Retiraram noventa por cento da glândula e, feita a biópsia, o resultado foi tumor maligno. Fiquei completamente angustiada, mas tive muita fé no poder de Deus.

Minha família e eu rezamos o Terço da Libertação durante os trinta dias de espera para fazer novos exames. Quanto a mim, ia todos os dias à igreja e, de joelhos na frente do sacrário, rezava a oração do Terço da Libertação, pedindo a Jesus que, através dessa poderosa oração, me curasse. O dia chegou.

Durante cada exame a que eu me submetia, ia pedindo: ´Jesus, tem piedade de mim! Jesus, salva-me! Jesus, liberta-me!´ E orava com muita fé, insistentemente. Pelos resultados, o médico observou que a glândula estava quase toda lá, pois o normal é 14 cm e ela estava com 13,5 cm, sendo preciso fazer nova cirurgia para retirar toda a glândula.

Levei o resultado para o cirurgião, e ele pareceu confuso, pois disse que havia retirado quase toda a glândula. Uma nova cirurgia ficou marcada para a semana seguinte, e pedi à minha filha que, durante a operação, rezasse o Terço da Libertação. Quando o médico fez o corte, encontrou apenas um pequeno pedaço da glândula e tudo na mais perfeita ordem.

O material foi levado para a biopsia. Ao voltar para tirar os pontos, o médico me recebeu com grande alegria, dizendo: ´Você está muito bem. Afinal... qual a cirurgia que valeu: a que eu fiz ou a espiritual?´ Fiquei sem entender e respondi: ´Doutor, eu oro muito.´ E ele respondeu: ´Tenho certeza que sim, e Deus ouviu as suas orações.´ Abriu o envelope e leu o resultado do exame: ´O material mandado para a análise não tem sinal de malignidade.´

Com muita alegria no coração, glorifiquei ao Senhor. Hoje continuo indo à igreja, mas para agradecer a Jesus pela minha cura.
Glórias e louvores ao Senhor!"
(Carmem/São José do Rio Preto)

_________________________________________________________________________

"Venho, através desta, dar o meu testemunho de uma graça alcançada e é com grande alegria que a relato nestas poucas linhas. Desde os 6 meses de idade tenho bronquite asmática e uma pequena mudança de tempo já ficava ruim.

Hoje tenho 69 anos e até os 68 anos ainda sofria com a minha bronquite, com fortes dores de cabeça e muita falta de ar. Passava noites sem dormir e, para dormir um pouco, tinha que fazer uma montanha de travesseiros. Fui a vários médicos, tomei muitos remédios, injeções e não tinha mais expectativa de melhora.

Há um ano comprei um exemplar do Terço da Libertação e passei a fazer as orações diárias e a acompanhar pela Rede Vida o programa Raboni e você. Minha fé foi tanta que venho dar o testemunho de minha cura. Não sinto mais nada. Não tenho mais dores de cabeça, nem falta de ar e sou outra pessoa.

Tenho certeza de que foi através da oração do Terço da Libertação e da minha fé. Já dei vários livros às pessoas que sei que precisam e, que sinceramente, gostaria que lessem e que tivessem como eu a mesma fé e a mesma força de vontade para rezar.

Gostaria que divulgassem o meu testemunho para que o mundo inteiro ficasse sabendo e, principalmente, as pessoas que precisam se libertar de seus problemas, de suas dores, de suas angústias e de tudo o que faz mal ao corpo, ao coração e, sobretudo, a alma. Saibam, irmãos, que só Jesus cura.

Louvem a Deus, rezem o Terço da Libertação e a graça será alcançada. Depois que comprei o livro, a minha força de vontade e a minha fé foram tanta que aprendi a ler com Deus."
(Maria/Araguari)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para dar o meu testemunho. Foram várias as graças que recebi através do Terço da Libertação. Eu tinha acabado de ter um filho, meu marido estava muito feliz, mas depois de dois meses ele conheceu  uma mulher e foi morar com ela.

Ele não vinha mais ver os filhos. O mais velho chorava dia e noite, o mais novo teve convulsão e chegou ao hospital quase morto. Eu não sabia mais o que fazer, pois meu marido não queria mais ver as crianças. Fiquei desesperada, mas Deus, que é o nosso Salvador, me mostrou o caminho.

Num sábado, estava em casa sozinha, chorando, pedindo que Deus abrisse um caminho para resolver meus problemas. Liguei a televisão e comecei a mudar de um canal para outro, até que ouvi a Maïsa falar: ´Você, que está com algum problema, peça a Jesus, pois Ele salva, cura e liberta.´ Fiquei emocionada e pensei: Aí está o meu caminho.

Comprei o Terço da Libertação e o Sagrado Coração de Jesus e Maria e comecei a rezar, sem parar. Passei 5 meses e nada. Continuei a rezar cada vez mais com fé, esperança e pedindo a Jesus e a Nossa Senhora que meu marido voltasse a ser o que ele era e fosse liberto daquela tentação. Foi uma alegria para todos em casa.

O meu filho mais velho voltou a sorrir e o menor a brincar com o pai. Foi um milagre tão grande que recebi que agradeço a todo o instante. Hoje somos todos felizes, graças à oração do Terço da Libertação.

Obrigada, Jesus! Só o Senhor cura, salva e liberta. Aconselho a todos que têm algum problema que o entreguem a Jesus e rezem, rezem, pois Jesus existe. Ele é amor e nos ama."
(***/Itápolis)

________________________________________________________________________

"Volto a escrever, pela segunda vez, para contar e compartilhar as maravilhas que Deus tem operado na minha vida e na de minha família. Continuo orando, todos os dias, o Terço da Libertação e o rosário de Nossa Senhora. Confesso que houve momentos em que tive vontade de desistir, mas, mesmo na dificuldade, continuei perseverando na oração.

Minha casa foi invadida por escorpiões, e pedi a Jesus que libertasse e limpasse os quatro cantos da casa e que os escorpiões não fizessem mal a ninguém da minha família. Foram quase nove meses de aflições, mas graças ao Terço da Libertação Jesus libertou a minha casa.

A primeira oração que conheci, antes do Terço da Libertação, foi a oração que o anjo ensinou aos três pastorinhos de Fátima, em Portugal. Agradeço a Jesus por essas orações. A oração do Terço da Libertação e a do Anjo de Portugal salvaram-me de ser atropelada por uma moto.

Eu pensei que desse tempo de atravessar a rua, mas, inesperadamente, apareceu a moto em alta velocidade e, nesse instante, um lençol branco me envolveu e eu fiquei imobilizada, como se alguém me desse um abraço.

O motoqueiro parou na minha frente e sorriu para mim, antes de entrar na esquina em que eu estava. Meus irmãos: ainda por algum tempo eu fiquei vendo o lençol branco passando na minha frente. Isso acontecia muito rápido. Eu tinha medo, porque parecia que aquele lençol estava tirando a cegueira dos meus olhos.

Antes de conhecer a oração do Terço da Libertação, eu lia cartas e fazia adivinhações. Sofria, chegava a chorar e ficava triste com as coisas que via nas cartas do tarô, não dormia e não era uma pessoa feliz. Hoje eu não faço mais isso.

Aprendi a ler as cartas sozinha, mas, graças à oração do Terço da Libertação e ao seminário de vida no Espírito Santo, joguei as cartas fora para não cair em tentação e o lençol branco nunca mais apareceu. Regis e Maïsa: depois que conheci o Terço da Libertação minha vida mudou. Não tinha amigos, não namorava nem trabalhava e me sentia feia e sem atrativo.

Comecei a me cuidar, fazendo musculação e aeróbica. Eu pesava 46kg, era magra e esquisita, e depois dos exercícios passei a pesar 53kg e estou com uma aparência ótima. Eu agradeço tudo ao Terço da Libertação, que me curou de todos os meus defeitos, principalmente os psicológicos. Montei neste ano de 2000 um negocinho para mim, graças ao bom Deus. 

Regis e Maïsa, no ano passado minha mãe esteve muito doente, o caso era muito sério e ela chorava porque achava que já tinha chegado a sua hora. Pedi a Jesus que curasse minha mãe e restaurasse a saúde dela. E Ele, na Sua infinita misericórdia, ouviu as minhas preces.

Minha mãe e eu nunca havíamos sido amigas; então, resolvi pedir a Jesus que me curasse primeiro. Pedi que me libertasse de todo ódio, rancor, egoísmo, raiva, desconfiança que eu tinha com relação a minha mãe. Jesus me curou! Depois, pedi que curasse a minha mãe, e Ele curou.

Ela fez novos exames e não precisou mais do marcapasso. Cuidei da alimentação dela durante dois meses. Apesar de tudo o que aconteceu, eu não conseguia fazer minha mãe gostar de mim.

Então, pedi a Jesus, através da oração do Terço da Libertação, que libertasse minha mãe de todo o ódio, rancor, egoísmo, raiva, desconfiança que ela tinha de mim. Que quebrantasse o coração dela e ela se tornasse uma pessoa compreensiva, carinhosa e atenciosa para comigo.

Que ela olhasse para mim, sentisse a presença de Jesus e que nos tornássemos grandes amigas. Foi me baseando no livro Terço da Libertação que eu alcancei a graça.

O testemunho do livro Terço da Libertação diz: ´Se quiser ver-se livre de suas faltas e não estar sempre confessando os mesmos pecados ou, quem sabe, outros mais sérios ainda, faça como eu: aproprie-se de um Libertador - não de um libertador qualquer -, mas do único que pode libertá-lo de tudo o que o prende ao pecado: Jesus Cristo, nosso Senhor!´ E eu me apropriei desse Libertador.

Comecei a orar o Terço da Libertação, pedindo a Jesus que fosse o meu libertador. Que me libertasse de tudo que me prendia ao pecado: do passado, de todas as minhas faltas, do nervosismo, dos medos infundados, da insegurança que havia na minha vida, dos fracassos e defeitos também. E Jesus curou, salvou, me libertou e, agora, sou uma outra pessoa.

Minha mãe é a minha melhor amiga. Antes não tinha amigo nenhum e hoje tenho. Não falava com ninguém, não olhava para os rapazes porque me achava muito feia e sem jeito, mas tudo isso mudou, baseando-me, mais uma vez, no livro Promessas de Deus para você, que diz: ´Invoca-me, e te responderei revelando-te grandes coisas misteriosas que ignoras.

Agora tento vigiar e orar para não cair em tentação. Uma das coisas que não tinha percebido foi que minha mãe não estava mais usando tanto remédio para pressão. O colesterol, a anemia e a diabete desapareceram, e tudo voltou ao normal.

As varizes fecharam, e isso nunca tinha acontecido. Pedi a Jesus que restaurasse a saúde dela, mas Ele fez mais do que pedi. Eu não conseguia escrever uma carta porque molhava tudo, e fui curada da transpiração. Graças a Jesus, minha mãe e eu fomos curadas.

Sabem, Regis e Maïsa, sempre peço a Jesus libertador que me torne uma pessoa bastante pacífica, compreensiva, atenciosa, carinhosa, alegre e bastante sorridente para com todos... e Ele tem feito maravilhas, tem me fortalecido, cada vez mais, na fé e na oração. Tenho pedido para Jesus me dar uma sede insaciável pela oração, meditação e leitura bíblica. Tenho recebido muitas bênçãos.

Estou passando tudo o que aconteceu comigo e com a minha família para servir de exemplo para aqueles que ainda não conhecem Jesus e não acreditam no poder do Seu Nome e do Terço da Libertação.

Creiam, meus irmãos, que Jesus cura, salva e liberta todos os Seus filhos. Ele dá forças e coragem para trabalhar, orar e vencer todos os problemas, curar da preguiça, do desânimo e transformar a vida. Ele pode mudar a maneira de pensar, ouvir e ver as coisas. Peça a Jesus para libertar os seus olhos, a sua boca e os seus ouvidos.

A fé salva, e sem ela não somos ninguém. Acredite e tenha fé. Jesus pode tudo! Creia nisso e será salvo você e a sua família. Jesus vai ouvir, se você pedir, e vai libertá-lo de todos os problemas. Entregue sua vida que Ele toma conta. Seja qual for o seu problema, peça com fé. Peça, também, a intercessão da Mãe de Jesus, Maria santíssima, para a sua vida.

Coloque todos os seus problemas nas mãos dela, para que seja feita a vontade dela e não a sua. Peça a Jesus para ensiná-lo a orar e pedir como se deve. Muitas vezes, as pessoas sofrem porque não conhecem a Palavra de Deus. Tudo pode mudar, se transformar através do poder da oração.

Meus irmãos, é da oração que eu tiro a minha força e essa força está em Jesus. Tudo o que passei foi uma grande terapia de vida, e eu agradeço a Ele toda essa tribulação; mas venci, através do poder do nome de Jesus.

Ele libertou a minha mente de toda a escravidão, de todas as amarras, de tudo que me atormentava, corrompia e incomodava. Ele ouviu a minha oração.  Hoje, peço a Jesus que me ajude a encontrar a minha verdadeira vocação para servir a Igreja.

Peço a Ele o dom da sabedoria de vida, o dom de cura, o dom de línguas, o dom de proclamar a Palavra de Jesus e o poder de levar a quem não O conhece.
Obrigada, Jesus! Obrigada, Senhor Jesus, por tudo!"
(Maria/Aracaju)

_________________________________________________________________________

"Em junho de 2000, meu filho, de 5 anos, teve problema de pneumonia; levei-o ao pediatra e foi tirada uma radiografia do pulmão, constatando a doença e também um sério problema de coração. A médica me informou que eu teria que levá-lo a um cardiologista; levei-o no mesmo mês.

Foi pedido o ecocardiograma, e o resultado foi mesmo o problema grave do coração: ele teria que ser operado com urgência, porque o sangue estava se espalhando pelo pulmão. Fiquei desesperada, sem saber o que fazer. Procurei vários médicos e todos me falavam a mesma coisa.

Minha vizinha trouxe para mim um exemplar do livro Terço da Libertação. Eu e meus familiares fizemos a novena, com muita fé em Jesus. Meu filho foi para Belo Horizonte para ser operado.

Já estava tudo preparado, as enfermeiras o haviam levado para a sala de cirurgia. Fiquei muito nervosa e desesperada e comecei a rezar, quando de repente a médica trouxe meu filho, dizendo que não seria mais necessária a operação. Ela não soube explicar o que havia acontecido.

Mas eu sei que foi Jesus quem o curou. Graças à oração do Terço da Libertação, meu filho ficou curado. Glórias e louvores a Ti, Jesus!"
(Maria Heloíza/Barbacena)

_________________________________________________________________________

"Há muito tempo que queria dar o testemunho sobre as maravilhas que aconteceram em minha vida desde que conheci a oração do Terço da Libertação. Foram várias as graças recebidas, que jamais me cansarei de agradecer a Jesus.

Estava sentindo uma dor no ombro esquerdo há muito tempo. Mal podia erguer o braço para pentear os cabelos ou fazer algum tipo de movimento. Numa tarde, assistindo ao programa Raboni e você, quando o Regis pediu para colocar a mão onde estava doendo, logo a coloquei em meu ombro e rezei juntamente com uma conta do Terço da Libertação.

Mais tarde, tomando banho, sem perceber, consegui levantar o braço doente para ensaboar minhas costas, o que até então não conseguia. Para minha surpresa, a dor havia desaparecido. Fiquei entusiasmada e, ali mesmo, agradeci a Jesus por esta graça. E até hoje esta dor não voltou mais. Louvo a Deus e à Virgem Maria todos os dias. 

Meu marido começou a sentir muitas dores abdominais e apareceu um caroço, bem na direção do umbigo; já estava tão saliente que dava para notar sem apalpar. O médico disse ser caso de cirurgia, não receitou remédio algum. Como meu marido não pode tomar anestesia, resolveu procurar outro médico. Este outro lhe disse que poderia ser uma hérnia, receitou uma cinta para aliviar as dores, mas não descartou a hipótese de uma cirurgia.

Fiquei muito preocupada, pois ele gemia durante toda a noite, com dores. Com muita fé, comecei a rezar a oração do Terço da Libertação e pedir a Jesus, se fosse de Sua vontade, para curar meu marido.

´Sua bondade é imensa, sua misericórdia é infinita.´ Louvo a Jesus e agradeço a Deus, pois hoje meu marido não tem mais o caroço, não sente mais dores, nem sequer chegou a usar a cinta receitada pelo médico.

Graças a Deus, ele está curado. Jesus vem fazendo maravilhas em minha vida, muitas graças tenho recebido. Eu jamais me cansarei de Vos agradecer, meu amável Jesus, e Vos louvo. Continuarei rezando a oração do Terço da Libertação."
(Terezinha/Jales)

_________________________________________________________________________

"Com o coração cheio de alegria, escrevo para agradecer uma graça recebida através do Terço da Libertação. Encontrei um livro Terço da Libertação, li e fiquei emocionada com os milagres.

Comprei um livro e comecei a rezar no dia 15 de maio. Meu grande defeito, desde pequena, era  roubar e mentir muito. Onde ia, eu roubava: nas casas das minhas amigas, dos meus familiares, nos supermercados, em qualquer lugar.

Quando comecei a rezar o Terço da Libertação, não roubei nem menti mais. Recebi esta graça e vou rezar o Terço da Libertação até a minha morte. Graças a Jesus, a sua Mãe Maria santíssima e ao Terço da Libertação, alcancei esta graça.

Estou com 78 anos e não ia às missas, mas no dia de Corpus Christi confessei, comunguei e hoje vou à missa todos os domingos. Já dei três livros Terço da Libertação a três amigas e duas estão fazendo a novena. Obrigada, Jesus, pela oração do Terço da Libertação que me libertou. Graças e louvores ao meu Senhor Jesus!"
(Maria/Rio de Janeiro)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para testemunhar as maravilhas que o Senhor fez em minha vida e na minha família. Eu era uma pessoa cheia de rancor, de problemas, depressiva, triste, infeliz; nada dava certo e quando ia à missa não conseguia entender nada. Não gostava de freqüentar a Igreja. Por 6 anos, freqüentei lugares onde Jesus não estava.

Estava desiludida da vida. Todas as previsões que ouvi não aconteceram e, além das mentiras que ouvi, gastei muito dinheiro e não aconteceu nada. Então falei palavras horríveis para o Senhor Jesus. Ele, com Seu amor e com Sua misericórdia, mostrou que me amava muito e que havia um plano de amor para minha vida.

Um dia, comecei a freqüentar encontros de oração e pedi muito ao Senhor uma resposta para tanta dor e decepção.

O Senhor Jesus fez a revelação através de um servo que estava coordenando o encontro. ´Você, mulher que está confusa, aqui é o seu lugar. Você é muito especial para Mim.´ Naquele momento, senti que era para mim. Jesus me tocou e o meu coração batia acelerado: parecia que havia um fogo ardente dentro dele.

Continuei participando dos encontros e rezando o Terço da Libertação. Jesus e Nossa Senhora libertaram-me do medo do escuro e hoje não tenho mais medo. Agora consigo entender o significado das palavras na hora da missa. Minha família foi liberta de vários problemas. Meu tio, que há muitos anos estava desempregado, conseguiu emprego.

Certa manhã acordei e comecei a rezar o Terço da Libertação por minha mãe, que estava no trabalho. Ela estava com problemas de tontura, labirintite e não conseguia ver ninguém. Às vezes quase caía no chão. Comecei a rezar por intenção da sua saúde e quando cheguei ao segundo mistério eu não conseguia rezar. Comecei a passar mal.

Sentia tontura, calafrios, mal-estar e parecia que ia desmaiar. Mas pedi forças ao Senhor e consegui terminar a oração. Alguns minutos depois, a mamãe ligou; perguntei se havia passado mal e descrevi os sintomas. Ela parou e perguntou: ´Como você sabia?´ Contei que, na oração que estava rezando por ela, senti todos aqueles sintomas, mas agora estava curada e liberta daquele mal; e ela realmente nunca mais passou mal.

Agora mamãe reza o Terço da Libertação todas as noites.

Graças ao poder do amor e misericórdia de Jesus, Ele perdoa todo o pecado, transforma nossos corações. Quando afundamos na lama imunda, Ele nos segura pela mão, nos purifica e renova a nossa vida. Olha em nossos olhos e diz: ´Eu amo você, porque você é minha filha amada; o seu nome está gravado no Meu coração antes de você existir e ao Meu lado você ficará eternamente.

´ Obrigada, Senhor, pela vida e por tudo.

Que o Senhor Jesus abençoe todos vocês. Peço carinhosamente que publiquem no livro Terço da Libertação este testemunho para as pessoas que necessitam de uma luz."
(Aparecida/Cascavel)

_________________________________________________________________________

"Paz e bem. Em primeiro lugar, quero parabenizá-los pelo belo trabalho de evangelização que vocês fazem através do Terço da Libertação. Quero também participar dessa evangelização relatando minha história.

Casei-me muito cedo e tive duas filhas. Com 25 anos, perdi meu marido e minha filha mais velha, que na época tinha 7 anos, num acidente de carro, no qual eu e minha filha mais nova ficamos gravemente feridas, mas, com a graça de Deus,  nos recuperamos completamente.

A partir daí, senti que Deus tinha um plano em minha vida. Aos poucos, recomecei minha vida, voltei a estudar e, dois anos depois, conheci meu atual marido. Enfrentamos muitos problemas com a família dele, que não aceitava nosso relacionamento pelo fato de eu ser viúva, ter uma filha e ele ser seis anos mais novo que eu.

Mas isso não impediu que nos casássemos. Com o tempo me aceitaram e hoje sou muito querida por todos. Depois de cinco anos de casados, meu marido, que era muito carinhoso e gentil comigo, começou a se distanciar e ficar frio. Quase não conversava comigo, estava muito estranho.

Tentei conversar e ele me disse que já não era como antes, que havia acabado o encanto, que não era essa vida que queria. Fiquei arrasada e, em uma semana, saí de casa com minhas filhas, pois não suportava estar ao lado de alguém que já não sentia nada por mim. Algumas semanas depois, descobri que ele estava tendo um caso com outra mulher.

Eu, que nunca tinha ido a grupo de oração, comecei a sentir vontade de freqüentar. Mesmo sem ter ido, naquele dia senti que o Espírito Santo me tocava e eu disse ao meu marido que nosso casamento não tinha se acabado, que Jesus ia transformar a água em vinho muito melhor do que foi no começo, como Ele fez nas Bodas de Caná, que foi o Evangelho do dia do nosso casamento.

Meu marido nem se importou e disse que tinha o direito de tentar ser feliz. Comecei a participar do grupo de oração e a sentir que Jesus falava comigo. Nas minhas orações, pedia que Ele confirmasse o que eu havia dito, que meu coração não estava enganado, que aquela separação não poderia acontecer.

Um mês depois, fui ao Cenáculo e, na hora da cura, o irmão falou que ali havia uma mulher que achava que seu casamento estava destruído e que Jesus iria restaurá-lo, como fez nas Bodas de Caná.

Foi a confirmação daquilo que eu tinha pedido. Saí de lá radiante, achando que o milagre já tinha acontecido. Quando vi meu marido, percebi que tinha que orar muito para alcançar essa graça, pois ele só falava da separação judicial. Alguns dias depois, assinei a procuração e ele deu entrada ao processo de separação, mas, no fundo do meu coração, eu sabia que aquilo era pura perda de tempo.

Depois disso, fui a uma missa de cura e libertação, e mais uma vez, na hora da cura, uma irmã falou que ali havia uma mulher que achava que o vinho de seu casamento tinha se acabado, mas que o seu marido iria voltar transformado, porque já estavam com processo no advogado. Eu chorava e tremia, porque sabia que era comigo.

Contei isso a meu marido e pedi-lhe que cancelasse tudo no advogado, que Deus ia curar nosso casamento, mas ele não quis me ouvir e marcou a audiência no fórum: assinamos a separação. Não entendia como Deus falava comigo que ia restituir meu casamento e como tudo acontecia para provar o contrário. Nessa altura, meu marido não queria nem me ver mais.

Apesar da certeza de que tinha, de que meu casamento não tinha acabado, eu sentia que minhas orações não eram suficientes para alcançar essa graça. Três meses depois que saí de casa, fui a uma livraria, comprei o livro Terço da Libertação e fiquei maravilhada com os testemunhos; e isso me deu muito mais força para orar e pedir que Jesus realmente me libertasse da separação e que salvasse e curasse meu casamento.

Pedi a Jesus que me desse um milagre de Natal. Que levasse meu marido pela mão. Um dia, rezando, senti algo diferente: rezei chorando e pedindo que Jesus me desse algum sinal de que estava me ouvindo. Terminei de rezar o Terço da Libertação, levantei-me e veio em meu coração aquela canção que diz assim: ´Ninguém te ama como Eu, olha para a cruz: essa é minha grande prova, ninguém te ama como Eu.´ Sem querer comecei a cantá-la e, chorando, caí de joelhos, agradecendo e louvando a Deus por ter me escutado.

Depois de meia hora, meu marido ligou dizendo que, sem saber por que nem como, estava sentindo muita saudade de mim e que queria me ver. Passamos a nos encontrar como dois namorados e, em menos de um mês, estávamos morando juntos novamente.

O mais interessante é que, no dia em que ele decidiu que iríamos reatar nosso casamento, que nós contamos para todos que estávamos voltando, ao assistir, pela manhã, a missa pela televisão, o Evangelho daquele dia era o de João 2,1-12 sobre as Bodas de Caná. Foi a confirmação do meu milagre.
Glórias e louvores a Ti, Senhor!"
(Dulcilene/Sorocaba)

_________________________________________________________________________

"Espero que, quando esta carta chegar até vocês, estejam todos com Deus, paz e felicidade. Sou uma jovem de 19 anos, tenho um filho, o Gabriel, de 2 anos e 7 meses, e moro com meus pais.

Meu pai tem 74 anos e já teve quatro derrames, mas, graças a Deus, ainda anda. Minha mãe teve paralisia infantil quando era pequena, mas com a força de Deus casou-se e teve meu irmão e eu. Ela cuida do meu pai, do meu irmão e do meu filho.

 Depois de apresentar a minha família, vou contar a vocês como o Terço da Libertação transformou a minha vida, a vida de todos, dos meus amigos, namorado, serviço etc. Antes de conhecer o Terço da Libertação, eu era uma jovem rebelde.

Não ligava para o meu filho, não conseguia entender as dificuldades dos meus pais, não me entendia com o pai do meu filho, odiava o meu único irmão e não tinha sorte com namorados. Tinha muitos inimigos e os poucos amigos que tinha fui perdendo, por causa da minha arrogância, e me transformei num monstro humano.

Um dia, com problemas no relacionamento com o meu namorado, fui à casa dele chorando.

Sentei-me no colo da mãe dele, disse para ela que eu tinha vontade de morrer, que não estava nem aí com a família, namorado, filho. Eu queria que todos morressem também. Ela ficou impressionada com todo aquele ódio que estava em meu coração e disse: ´Você precisa mudar.

Mas você não está sozinha. Está com Deus e comigo também.´ Eu continuava insistindo que queria morrer e, então, com o coração cheio de Jesus e Maria, ela falou: ´Pelo jeito você não conhece o Terço da Libertação, pois, se conhecesse, com certeza o seu coração não estaria cheio de raiva e ódio.

Vou dar um Terço da Libertação para você rezar.´ Eu disse a ela que minha mãe tinha esse livro, mas que eu nunca me interessei em vê-lo ou ler. Odeio ler! Ela disse: ´Andréa, Jesus faz a nossa vida mudar. Ele, através da oração do Terço da Libertação, transformará a sua também.´ Depois daquele dia, fui para minha casa curiosa.

Perguntei a minha mãe onde estava o livrinho que ela gostava de ler e rezar. Ela se assustou, mas não falou nada. Comecei a ler e fiquei chocada com todas as pessoas, em todos os lugares do Brasil, que escreviam e davam seus testemunhos a vocês, da Raboni Editora.

Depois, fiquei impressionada como a fé era grande e quantas mudanças Jesus estava fazendo na vida daquelas pessoas através da oração do Terço da Libertação. Se Jesus transformou a vida de tantas pessoas, poderia transformar a minha também.

Então comecei a rezar. E a cada dia fui sentindo uma grande paz no meu coração. Mas não foi só isso, não. Jesus não estava satisfeito e quis transformar minha vida mais ainda. Continuei a rezar o Terço da Libertação e as bênçãos foram caindo como chuva em minha vida.

Comecei a ver e a entender como meus pais eram importantes e preciosos para mim. Já amava meu filho, mas comecei a amá-lo cada vez mais. Tirei todo o ódio do meu coração que eu tinha pelo meu irmão e, hoje, rezo para voltarmos a conversar.

Parei de andar em más companhias e conquistei minhas velhas amizades. Comecei a rezar pelo pai do meu filho e, graças a Deus, ele encontrou uma namorada e estão bem. E, principalmente, o relacionamento com o meu namorado está em harmonia com Jesus, Maria e a oração do Terço da Libertação.

Encontrei um serviço, que infelizmente não deu certo, por problemas de saúde, por isso estou parada novamente. Mas tenho certeza de que Jesus vai preparar outro logo, logo. Tudo isso é resultado de como o Terço da Libertação transformou a mim e, creio, todos aqueles que vivem ao meu redor. Agradeço a Jesus e a Maria a oração do Terço da Libertação.

Lembrem-se de que no mundo tudo pode dar errado, mas, quando a gente conhece e sente Jesus e Maria, bem perto e dentro do nosso coração, nada nos atinge e tudo poder ser mudado com o poder da fé e da oração. Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo e nossa santa Mãe Maria. Continuo rezando o Terço da Libertação todos os dias."
(Andréa/Londrina)

_________________________________________________________________________

"Desejo que, quando esta chegar às suas mãos, estejam bem de saúde. É com muita alegria que escrevo para contar o meu testemunho. Depois que conheci o Terço da Libertação, Jesus me libertou de tudo que não agradava ao Senhor. Eu vivia em pecado, vivia cometendo adultério, vivia em bailes e vivia afastada das coisas de Deus.

Foi quando conheci o Terço da Libertação. Eu sou separada do meu marido há muito tempo e fui viver com outro homem. Ele era viúvo, mas eu ficava muito triste quando ia à missa e não podia tomar a comunhão. Comecei a fazer a novena do Terço da Libertação, pedindo a Jesus que me libertasse de tudo que não  agradava a Deus.

Comecei a fazer a novena do Terço da Libertação com muita fé e eu pedia: ´Senhor liberta-me do pecado, porque eu quero Te receber na Eucaristia.´ Jesus me ouviu. Agora eu vivo com a minha filha solteira. Só nós duas. Estou muito feliz, servindo ao Senhor. Participo do grupo de reflexão e do grupo de oração. Regis, comecei a pagar o dízimo de 10% na Igreja.

Comecei a ser fiel ao Senhor. A minha vida mudou e Deus está derramando bênçãos na minha vida. Eu gastava muito em farmácia e agora gasto bem pouco e não me falta nada, graças a Deus. Jesus está me abençoando, cada dia da minha vida, porque agora sou uma mulher convertida por Jesus. Estou só servindo o Senhor. Ele é o Senhor da minha vida.

Ele é o tesouro que trago dentro do meu coração. Glórias a Ti, Senhor! Muito obrigada, Jesus, por tantas graças. Regis, faz dois anos que eu rezo quatro Terços da Libertação todos os dias, ajoelhada. Antes de começar a rezar, eu peço ao Espírito Santo para me iluminar. Um abraço de sua ouvinte."
(***/Joinville)

_________________________________________________________________________

"Venho por meio desta dar um grande testemunho do que Jesus e Maria fizeram por mim e por minha família através da oração do Terço da Libertação. Há quatro anos eu e minha família chegamos ao fundo do poço, pois tínhamos um comércio que foi à falência. Perdemos tudo o que tínhamos adquirido ao longo de 30 anos, só nos restando R$ 100.000,00 (cem mil reais) de dívidas.

Eu, já com 49 anos, e meu esposo, com 52, ficamos simplesmente sem nada. O meu filho, que sempre trabalhou conosco, ficou muito transtornado. Nem a esposa dele o queria mais e o mandou embora de casa. Foi quando conheci o livro Terço da Libertação

Meu filho foi trabalhar em Assunção, no Paraguai, mas estava tão deprimido que tinha emagrecido 12 kg. Além disso, ficamos com o nome sujo e totalmente sem crédito. Ele trabalhava lá, mas com o que ganhava conseguia apenas comer uma vez por dia e só conseguia dar ao seu filho arroz, feijão e ovos, pois não sobrava nem para comprar um pedaço de carne.

A esposa dele não o queria mais. Então, comecei a rezar a oração do Terço da Libertação por mim, minha família e por meu filho. Meu filho falava para mim: ´Mãe, eu quero morrer, pois não tenho esperança nenhuma. Minha esposa não me quer mais, não tenho nem condições de colocar meu filho numa escola pública.

De que me adianta viver?´ Então, eu fui para o Paraguai com ele, pois trabalhava como vendedor de peças. Dormi em cima de cadeira, porque não tínhamos dinheiro nem para comer, quanto mais para dormir. Um amigo dele ofereceu um lugar onde nós poderíamos ficar, e, assim, meu filho dormia em uma tarimba e eu numa cadeira.

Comecei a orar o Terço da Libertação sem parar. Rezava muitos por dia e rezava também o terço da divina providência. Meu filho, já sem esperanças, disse-me: ´Mãe, deixe de se iludir, nós estamos no fundo do poço, não temos mais o que fazer, não vejo nenhum horizonte´. E eu respondi: ´Se creres, verás a glória de Deus´.

Ele tinha um carro, que a gente chamava de baratinha porque cabiam somente duas pessoas. Quando chovia, entrava chuva como se não tivesse nada em cima. Mas, no silêncio, me recolhi totalmente nas mãos de Jesus e em Seu Coração.

Sabe, Maïsa, fiquei afastada da Igreja durante seis anos, por um motivo muito grave. Eu perdi minha filha e meu genro num acidente de carro e tinha abandonado totalmente a Igreja. Quando comecei a orar o Terço da Libertação, voltei para a Igreja, busquei a confissão e rezei sem cessar durante um ano, e as graças foram acontecendo.

Hoje estou testemunhando e gostaria que todos conhecessem o poder de Jesus Cristo, que é o mesmo ontem, hoje e sempre. Maïsa, agora eu vou falar das bênçãos: Jesus já deu a minha casa, uma casa melhor do que aquela que eu tinha. Pagamos todas as dívidas. Hoje, meu filho tem dois carros: um que é de trabalho e uma caminhonete importada.

A esposa voltou para ele e foram abençoados com mais um lindo menino, forte e saudável. Minha nora, que era evangélica, hoje vai à nossa igreja e prometeu a Jesus que, se um de seus filhos quiser ser padre, ela dará o maior apoio. Eles já têm um terreno e vão construir, vivem muito bem, hoje são completamente felizes.

Meu esposo, depois de 34 anos, voltou à Igreja, foi se confessar, graças a Deus.

E ainda recebeu a cura do vício do cigarro que fumava há 40 anos. Minha filha entrou na faculdade federal, graças a Deus Pai, ao poder de Jesus e Maria e à oração do Terço da Libertação. Hoje eu louvo e bendigo a Deus todos os momentos de minha vida.

Olha, Maïsa, tem muitas e muitas graças mais. Se fosse escrever todas, precisaria de um livro só para contar as maravilhas que Deus fez em nossas vidas. Muito obrigada, Jesus, e a vocês por divulgarem esta poderosa oração."
(Gleci/Foz do Iguaçu)

_________________________________________________________________________

"Escrevo esta carta para dar o meu testemunho. Eu estava fritando uns peixes e chegou um vendedor em minha casa. Fui atender e me esqueci do fogo ligado. Quando me lembrei, saí correndo, mas só havia fumaça. Estava tudo preto. Peguei no cabo da panela, que era muito grande e estava com um canecão de óleo e os peixes, e fui em direção da porta, para jogar fora.

Bati no batente da porta e o óleo quente caiu na minha mão direita. Minha mão ficou muito empolada. Nessa hora lembrei que haveria missa de cura e libertação, na igreja, e comecei a falar para mim mesma, com muita dor: Como vou à missa com essa mão toda queimada? E pensei: mas se Jesus me ajudar que a mão não fique feia, eu rezo quatro Terços da Libertação.

Quando me queimei, eram três horas da tarde. Comecei a rezar o Terço da Libertação. Rezei o primeiro, o segundo, e, quando estava no segundo mistério do terceiro Terço da Libertação, minha mão já estava completamente curada. Às cinco horas da tarde do mesmo dia, a mão estava completamente curada, só que estava preta como um carvão.

Depois de três dias começou a soltar a pele, mas não tinha nenhuma ferida de queimadura. Eu rezo o Terço da Libertação direto, dia e noite, e só paro quando estou dormindo. Quero divulgar o meu testemunho e dizer que só Jesus cura, só Jesus liberta. Se eu for contar tudo de bom que tenho recebido de Jesus, eu levo dois dias para contar."
(Elzira/Italva)

________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para dar o meu testemunho: sou casada há 33 anos e há algum tempo meu esposo começou a ter um caso com outra mulher. Isso durou mais ou menos um ano e foi muito sofrido. Ele alugou uma casa para ela, assumiu todas as despesas e gastou muito dinheiro.

Saía no domingo e só voltava na madrugada de segunda-feira, isto sem falar nos dias de semana, quando só voltava para casa depois da meia-noite, uma, duas, três, quatro horas da manhã. Ele ia para os bailes e me deixava sozinha com uma menina de 13 anos. Moro na fazenda e por isso passava muito medo.

Sentia uma dor tão grande que não tem como explicar; eu chorava, rezava e passava as noites sem dormir.
Aí comecei a rezar o Terço da Libertação, pedindo a libertação dele; prometi a Jesus que distribuiria alguns livros e não desanimei.

Continuei confiando no Jesus libertador e em Nossa Senhora Aparecida, e hoje ele já está freqüentando a igreja, fazendo as primeiras sextas-feiras e voltou a ser o homem que era antes: honesto, um pai exemplar. Nosso lar tornou-se uma fonte incomparável de amor e graça.

Pelo resto da minha vida vou louvar e agradecer a Jesus e a Nossa Senhora Aparecida pela oração do Terço da Libertação. Se você tem qualquer problema, reze sem desanimar o Terço da Libertação, porque, quando menos esperar, você receberá a graça."
(***/São João Del Rei)

_________________________________________________________________________

"É com grande alegria que venho por meio desta dar o meu testemunho. Há um ano atrás meu pai teve um problema de urina, com hemorragia, o que o levou a ficar alguns dias internado. Depois disso, foi encaminhado para fazer uma biopsia em outra cidade.

Então, o médico resolveu fazer uma cirurgia para retirada da próstata, junto com  a biopsia.
Assim que terminou a cirurgia, o médico nos disse que meu pai estava com  um tumor maligno na bexiga, e logo que se recuperasse da cirurgia começaria a fazer quimioterapia.

Para nós, foi um grande choque, pois não esperávamos por isso. Então a família resolveu não contar a ele, pois sabíamos que não suportaria.Entregamos tudo nas mãos de Deus, e começaram os novos exames para o tratamento.

Um dia, ao assistir uma missa na cidade de Aparecida do Norte, passei em frente a uma livraria e avistei o livro Terço da Libertação. Eu já o conhecia, mas nunca tinha tido a oportunidade de ler. Comprei-o e fiquei muito emocionada com os testemunhos.

Comecei uma novena, no mesmo dia, com muita fé e, com lágrimas nos olhos, pedi a Deus que libertasse meu pai e que ajudasse a mim e a minha família a suportar tanto sofrimento. Passados 15 dias, a assistente social do hospital me ligou, pedindo os antigos exames para comparar com os novos. 

No dia seguinte, ligou novamente, pedindo um novo ultra-som e tomografia, para poder fazer a comparação. Feito tudo, chegou o dia da consulta: para surpresa do médico e nossa também, disse ele que a bexiga de meu pai estava limpa e normal.

Perguntou se éramos católicos, porque havia acontecido um milagre. Então eu lhe disse que aconteceu mesmo e agradeço todos os dias por Jesus ter curado o meu pai.

Graças ao Terço da Libertação, Jesus operou o meu pai. Hoje ele está bem e trabalhando com muita saúde. Sempre que alguém está com dificuldades eu digo: ´Reze o Terço da Libertação com fé e confiança em Jesus, porque Ele atendeu as minhas preces´.

Nunca desista, pois só Jesus cura, só Jesus salva, só Jesus liberta.
Louvo a Deus todos os dias, pois Ele devolveu nossa alegria e, graças a Ele, meu pai está liberto. Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo, fique com Deus, pois Ele é o nosso Salvador."
(Marcia Maria/Caçapava)

_________________________________________________________________________

"Escrevi a vocês dias atrás pedindo uma ajuda. Estava com muitas dores e a pressão só vivia alta. Não estava mais agüentando. Minha tia tinha o livro Terço da Libertação e então resolvi orar com muita fé. Fiz uma ultra-sonografia e meu rim esquerdo estava três vezes maior que o direito.

Levei-a para um clínico e ele passou o caso para uma nefrologista, que viu o exame e suspeitou de cálculos renais. Mandou-me repetir o exame e tirar também um raio X. Tenho apenas 19 anos e estava desesperada, sem saber o que fazer. Resolvi entregar o meu caso a Jesus.

Comecei a rezar a oração do Terço da Libertação. Uma noite não estava suportando aquelas dores e comecei a rezar silenciosamente e com pensamento firme. De repente as dores começaram a aliviar e a partir desse dia as dores sumiram e, quando fiz os exames, meu rim estava perfeito, totalmente proporcional ao direito, sem nenhuma suspeita de cálculo.

Hoje a pressão aparece alta, mas sei que serei totalmente curada com a graça de Nosso Senhor Jesus Cristo. Continuo rezando.
Obrigada à Raboni por seu lindo trabalho. Que Deus esteja sempre com todos vocês."
(Alexandra/Salvador)

_________________________________________________________________________

"É com muita alegria e agradecendo ao meu Deus que estou escrevendo para dar dois testemunhos de graças que alcancei rezando o Terço da Libertação. O primeiro testemunho é que eu estive doente, com uma micose no pescoço, que depois apareceu debaixo de um seio.

Era uma porção de carocinhos e coçava. Fiquei com muito medo, rezei o Terço da Libertação. Prometi que, se eu ficasse boa sem precisar ir ao médico, mandaria o testemunho para honra e glória de Deus. Fiquei completamente curada. Obrigada, Jesus; só Ele cura, salva e liberta.

Vou continuar dando o segundo testemunho: hoje realmente eu estou muito feliz. Graças a Deus, recebi mais uma grande graça de Jesus através da oração do Terço da Libertação. Minha filha, Aline, de 11 anos, teve febre; levei-a ao médico e eles disseram que era crise de garganta.

Dei vários remédios, a febre passou, mas, por ter tomado muitos antibióticos, teve algumas reações: ficou com a boca e os lábios inflamados até os dentes. Eu pensei que estava nascendo um dente. Levei-a ao médico, ele disse que não, e eu fiquei muito preocupada porque ela não conseguia comer.

Passou mais de uma semana só tomando líquidos. Eu chorava muito, não dormia direito; rezava o Terço da Libertação e não estava alcançando a graça da cura da minha filha.

Um sábado, assim que acordei, sentei-me na cama desesperada, chorando; sem saber mais o que fazer, eu disse: ´Senhor o que falta? O que devo fazer para receber essa graça?´ E a resposta veio ao meu pensamento. Eu tinha uma grande mágoa de uma vizinha, não gostava dela e não conseguia perdoar.

Era como se Jesus falasse comigo - tenho certeza de que era -, por isso eu perdoei de todo meu coração e rezei o Terço da Libertação das 6 horas da manhã até as 6 horas da tarde, de hora em hora. A resposta veio urgente. No outro dia a minha filha teve a cura imediata. Foi um milagre.

Na segunda voltou a estudar e comer e aí veio o alívio do meu coração. Aqui estou dando o meu testemunho do Terço da Libertação e de como é belo saber perdoar. Jesus me tocou e estou muito feliz. Senhor Jesus, eu Te amo de todo o meu coração. Muito obrigada."
(Salete/Fortaleza)

_________________________________________________________________________

"Regis, se eu contar, ninguém acredita. Vai direto ao coração. Quem acreditar vai conhecer um grande milagre que Jesus fez na minha vida. Eu tenho uma filha sem a qual fiquei quando completou 4 meses, porque o pai foi embora com ela, escondido de mim.

Para meu desespero, fiquei trinta anos sem ter uma pista. Quando eu conheci o livro Terço da Libertação, comecei a rezar por essa filha. Em três meses eu recebi uma grande surpresa: veio à minha casa uma tia que, há oito anos, não via.

Quando ela chegou, foi uma grande alegria, e logo ela me falou: ´Luzia, tua filha Patrícia está à tua procura´; e me deu o telefone dela. Liguei na mesma hora para Patrícia e falei com ela, já com 30 anos completos. Jesus é ma-ra-vi-lho-so.

Obrigada, Jesus, por tudo. E para completar a minha alegria, ela me presenteou com duas passagens a Paracuru, Ceará, onde ela mora. Ela se casou, me deu um lindo genro, Raimundo, e um casal de netos, o Rômulo e a Adrícia, para honra e glória de Jesus.

Eu já fui conhecer Patrícia, meu genro e meus netos, aleluia! Eu precisava dar este testemunho."
(Luzia/Palmeira dos Índios)

_________________________________________________________________________

"Sofri um acidente de moto: bati em um caminhão. Nessa tragédia, a minha perna esquerda sofreu fratura exposta e corria sérios riscos de ser cortada a qualquer momento, mesmo depois da cirurgia. Eu sentia muitas dores, e a situação não estava normal.

Na véspera do dia de Nossa Senhora Aparecida, vendo que não ia mais suportar a dor que sentia, no meio de todo desespero, lembrei que minha mãe tinha levado para o hospital o livro Terço da Libertação e o havia deixado comigo.

Como, no dia seguinte, era dia de Nossa Senhora Aparecida, fiz um pedido, com muita fé, a ela: que intercedesse junto a Jesus; e rezei o Terço da Libertação. Foi como se tivesse tomado uma anestesia: dormi; quando acordei, era por volta de meia-noite, e foi aí que eu vi o milagre.

Senti que alguém tinha feito uma cirurgia em minha perna, já não sentia mais dores e o local estava molhado. A partir daquele dia, saí do perigo de ficar sem a minha perna e, para honra e glória do nome de Jesus, hoje ando perfeitamente, sem ter nenhum aparelho. Dou glórias mil vezes. Amém. Aleluia."
(Edinéia/Urupá)

_________________________________________________________________________

"Irmã Maïsa, peço por favor que leia meu testemunho na Rede Vida. Eu quero que ninguém desanime. Jesus cura, é só pedir com fé. Muitos me pedem: ´Reze por mim´. Eu rezo o Terço da Libertação, mas falo: ´Peçam vocês fé para Jesus, e rezem também´.

Maïsa, faz dois anos que assisto ao programa de vocês; a outra televisão que eu tinha não pegava. Aqui tem dia que não pega bem. Maïsa, meu abraço a você. Quando eu tinha 5 anos, perdi o olho direito por acidente. Aos 40 anos passei a usar óculos com lente forte, cada vez mais forte.

Aí apareceu o diabetes, em seguida o glaucoma. Usei colírio por muito tempo, depois deu hemorragia na retina. Fui encaminhada para Londrina a um ótimo médico, fiz raio laser por muito tempo, mas pouco adiantava.

Deu hemorragia no fundo do olho; o médico disse: ´Vamos fazer uma cirurgia nesse olho, que já está perdido, e podemos recuperar um pouco a visão´. Fiz e coloquei uma lente de sete graus. Recuperou um pouco, uns 20%. O outro olho piorava cada vez mais.

Eu rezava e pedia a Jesus: ´Cura-me, não vejo quase nada.´ Todos os dias eu pedia. Fui ao médico e só andava por mão dos outros. Cheguei ao médico e disse: ´Doutor, eu não vejo quase nada´. Ele me consultou e disse: ´Chegamos ao fim, não há como fazer raio laser.

Temos que fazer duas cirurgias: uma de catarata e outra de hemorragia no fundo do olho´. Eu perguntei: ´Se não fizer, eu perco a visão?´ Ele disse: ´Perde, sim´. Meu filho perguntou: ´A cirurgia apresenta risco?´ Ele disse: ´Sim.

As duas apresentam risco e podemos fazer uma de cada vez, mas nas duas ela corre risco. Eu não posso garantir´. Eu fiquei muito triste; voltei para minha casa à noite e comecei a rezar o Terço da Libertação. Pedi a Jesus com muita fé, uma fé viva.

Rezei e clamei a Deus: ´Quero uma fé forte´; e recebi. Rezei e pedi a Jesus a cura para meus olhos e recebi. Agradeço a Deus todos os dias. Jesus cura com poder. Dia 9 de dezembro, dia do meu aniversário, comecei a receber presentes de minhas amigas; fiquei emocionada e água escorria dos meus olhos.

Tirei os óculos e comecei a ver. Jesus me deu esse presente. Recebi a cura, graças a Deus. Hoje não uso óculos e nunca mais usei óculos. Nunca mais fui ao médico e, graças a Deus, estou vendo. Jesus, obrigada pelo presente do meu aniversário: este foi o melhor, o melhor presente de todos.

Todo aquele que tiver um problema difícil entregue-o para Jesus com fé e confie, Ele está esperando por você, Ele não usa ferramenta, mas usa o Seu poder. Obrigada Jesus, pelo presente: a Luz dos meus olhos. Eu escrevi estas linhas; graças a Deus, realizei meu sonho.

Este testemunho já foi apresentado no grupo de oração, aqui."
(Magdalena/Umuarama)

_________________________________________________________________________

"Escrevo esta carta para dar o meu testemunho. Fui fumante dos 13 aos 70 anos. Quando completei essa idade, resolvi deixar esse terrível vício, pois já estava prejudicando a minha saúde.

Foram 57 anos fumando palheiros, cachimbo e cigarros de papel. Resolvi recorrer a esta maravilhosa oração do Terço da Libertação, alcançando a graça que tanto desejava. Hoje estou muito feliz, com saúde e até trabalhando. Esta é a segunda vez que escrevo dando testemunho.

Peço que publiquem esta carta, pois sei que muitos precisam aumentar sua fé em Jesus."
(Dezidério/Palmeira)

_________________________________________________________________________

"Eu, Carmem Fachini, quero deixar aqui meu testemunho, para as pessoas que o lerem nunca duvidarem da bondade e do poder de Deus em nossa vida. Meu marido tinha uma verruga nas costas e machucou-a, tornando-se uma espécie de coágulo de sangue, presa delicadamente pela pele.

Era incômodo, pois sangrava freqüentemente. Certo dia foi ao hospital para retirar essa estranha verruga que, a pedido do médico, foi levada ao laboratório para exame. Chegando o resultado, a triste notícia: aquela verruga era um melanoma maligno, ou seja, o mais perigoso tipo de câncer de pele.

Tive que procurar rapidamente bons médicos, para consultá-los na mesma semana. As notícias não foram animadoras, porque, segundo os médicos, não havia cura para este tipo de câncer, e foram dados ao meu marido apenas seis meses de vida.

Foi marcada a cirurgia para o mês seguinte, logo após uma semana de quimioterapia. Com o forte efeito da quimioterapia, seu organismo ficou totalmente debilitado. Isso o levou de volta para mais de dez dias de internação.

Próximo à Páscoa, deixou o hospital, e foi então que ganhei da minha cunhada o Terço da Libertação e no mesmo dia dei início às orações. Depois de seis meses após tudo ter começado, meu marido estava curado.

 Desde então, eu e ele agradecemos todos os dias ao nosso bom Deus pela graça que nos concedeu. Hoje continuo rezando cinco Terços da Libertação, três por meu marido e dois pela família.

Deixo aqui a experiência de dor e sofrimento que toda minha família passou, mas também deixo o exemplo de fé, de confiança em Deus e no Terço da Libertação."
(Carmem/Pariquera Açu)

_________________________________________________________________________

"Caríssimos Regis e Maïsa, eu queria fazer um depoimento do quanto Jesus me ama, glórias ao Seu nome. Há um tempo, eu ganhei uma antena parabólica e deparei-me com a Rede Vida, justamente no programa do Terço da Libertação.

Eu ainda não conhecia, foi aí que comprei o livro e comecei a rezá-lo; e muitas coisas boas aconteceram em minha vida. Foi quando surgiu um problema com minha filha: meu genro, que tem uma fábrica de plásticos, começou a dar para trás e chegou a ponto de quase perder tudo.

Minha filha me ligou contando. Comprei um livro Terço da Libertação para ela, e rezávamos juntas. Logo Jesus se manifestou e, aos poucos, tudo foi melhorando e - milagre - aquela luz divina tudo transformou: a fábrica tornou a se levantar, hoje nem aluguel eles pagam, puderam comprar sua própria moradia.

Foi uma grande graça que recebemos de nosso amado Jesus e nós todos os dias agradecemos. Glórias a Jesus e que muitas bênçãos venham a vocês que divulgam o nome dEle."
(Nelcy/Santos Dumont)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo esta carta para dar um testemunho de graças alcançadas, porque eu não tinha onde morar e, rezando o Terço da Libertação, consegui um teto.

Eu também tinha um problema muito sério: todos os médicos que eu ia consultar diziam que não tinha cura, e pedia só a Deus, em nome de Jesus Cristo, que me curasse.

Rezando o Terço da Libertação, o problema sério, que eu tinha há 43 anos, desapareceu só rezando e pedindo a Deus; eu queria ser operada só pelas mãos de Deus, não tinha fé em médico. E, um dia, fui dormir.

 De madrugada, eu senti uma mão tocando em cima do tumor e me perguntando se era ali que doía, e quando eu fui respondendo, acordei. Daquele dia em diante, eu não senti mais nada, desapareceu o tumor, graças a Deus, até hoje, não tenho mais nada na minha virilha.

E eu acredito que foi Deus que me curou em nome de Jesus. Eu tinha prometido a Deus que mandaria este testemunho em nome de Jesus, e todos os dias eu agradeço a Deus por ter me curado."
(Maria Luiza/Campo Maior)

_________________________________________________________________________

"Eu, Maria Gomes de Lima, escrevo esta carta para contar o meu testemunho.
Minha irmã Terezinha estava no Ceará, desenganada pelos médicos de Juazeiro do Norte, pois estava com um tumor na cabeça do pâncreas, as vias biliares dilatadas, vários nódulos no baço, o estômago expandido e com icterícia obstrutiva.

Sabendo que aqui há melhores recursos, sugeri que a trouxessem para São Paulo. Ela veio com uma sobrinha. Meu marido e meu filho foram buscá-las no aeroporto. Minha irmã chegou à minha casa carregada pelos braços do meu marido e do meu filho.

Os nossos familiares do Ceará desacreditavam que ela pudesse chegar aqui com vida. E realmente, quando a vimos, tivemos que ser muito fortes para não demonstrar nosso espanto. Para terem uma idéia, ela estava com 39 quilos.

Chegou numa madrugada e no mesmo dia às 22 horas, tivemos que chamar a ambulância do pronto atendimento do bairro. Chegando lá, o médico constatou 556 de glicemia, ela ficou internada três dias.

Após vários exames realizados, foi constatado que havia uma vazão de proteínas que era excretada pela urina.

 Desde então começamos a peregrinação pelos postos de saúde, realizando exames, como ultra-sonografia abdominal e pélvica, tomografia computadorizada; e os médicos daqui também não nos deram muita esperança, dizendo que o caso dela já estava avançado demais e não tinha perspectiva de solução.

Mas eu disse ao médico com muita fé: ´Doutor, todos os médicos desenganaram minha irmã, mas Jesus, que é o Médico de todos os médicos, irá curá-la!´  Ela ficou 45 dias no hospital, tomou várias bolsas de sangue, mas o amarelão não saía; mesmo com apetite e comendo muito bem, ela não engordava nem ficava corada, dava aflição vê-la, porém a esperança e a fé que havia nela eram exemplo para todos nós.

Ela não deixava de rezar seu rosário. Eu ensinei a ela como rezar o Terço da Libertação e ela rezava todos os dias e dizia: ´Eu ainda voltarei à minha casa para rever meu esposo e meus familiares´. O médico decidiu que iria fazer uma biópsia nela.

Na noite anterior, rezando o terço, pedi a Jesus que me desse um aviso, se seria ou não viável fazer essa biópsia. Para minha surpresa, sonhei com minha mãe, que já está com Deus, e perguntei a ela se a biópsia poderia ter sucesso.

Ela muito triste, balançava a cabeça negativamente, dizendo: ´É muito serviço, minha filha´. Nisso eu acordei em prantos, eram 3 horas da manhã; fiquei rezando até o dia amanhecer. Assim que amanheceu, parti para o hospital, decidida a impedir a realização da biópsia.

Chegando no hospital, encontrei minha filha, que trabalha lá; ela me disse que o médico desistiu de fazer a biópsia; iria fazer apenas uma cirurgia reparadora para que as vitaminas pudessem ir para o organismo. Nessa hora eu louvei e agradeci a Jesus e tive a certeza de que Ele estava intercedendo na vida de minha irmã.

Antes da cirurgia, levei o padre da comunidade, para dar a unção dos enfermos; ela disse ao padre que ainda iria se levantar da cama e iria assistir à missa de ação de graças pela sua recuperação; o padre falou que minha irmã estava muito fraca na doença, porém muito forte na fé.

A cirurgia foi feita. Dois meses depois, foram feitos os exames pós-operatórios: o tumor já havia diminuído 50% e os nódulos do baço já eram micronódulos; e estava tendo controle de CA, sem tomar nenhum medicamento para CA.

O médico ficou sem entender nada, porque a cirurgia foi só para que as vitaminas fossem para o organismo e nem mexeu nos tumores. Eu falei que tudo isso foi o milagre de Jesus. Ela teve alta e dois dias depois, dia do seu aniversário de 54 anos, ela foi assistir à missa de ação de graças pela sua saúde.

O padre abençoou-a e desejou uma boa viagem, pois ela viajou no dia seguinte. Ela, que chegou aqui com 39 quilos, viajou com 50 quilos e já ganhou mais 1 quilo lá no Norte.

Eu já dei esse testemunho na minha comunidade e falei que, para alcançar uma graça, não é preciso trocar nossa fé por outra, porque o nosso Jesus é vivo e age em nossa vida em todos os momentos, basta que tenhamos fé.

Continuamos louvando e agradecendo a Jesus; agradeço também ao Regis e Maïsa, e peço que divulguem no livro Terço da Libertação, pois prometi a Jesus que faria isso. Muito obrigada, Jesus, Maria e José; obrigada Mãe rainha, obrigada Santo Expedito e Santa Paulina."
(Maria/Guarulhos)

_________________________________________________________________________

"Escrevo para dar meu testemunho com muito amor e muita gratidão pelo poder misericordioso de Deus. Vou testemunhar uma grande graça que recebi através da oração do Terço da Libertação, oração poderosa e abençoada por Deus e Seu Filho Jesus.

Meu afilhado, de 7 anos de idade, teve um câncer nos rins. Levaram-no ao Hospital de Itapejara d´Oeste, fizeram exames e constataram que ele estava com câncer. Como o hospital não tinha muitos recursos, encaminharam para Pato Branco.

Também fizeram exames, com os mesmos resultados. Como o caso era muito grave, encaminharam para o Hospital do Câncer em Curitiba. Chegando a Curitiba, fizeram exames mais detalhados e constataram que o caso era muito grave: teriam que fazer cirurgia com urgência.

Mandaram os exames até para São Paulo. O afilhado é muito apegado a mim. O caso mobilizou toda a cidade, e todos, com muita fé, estavam rezando pela sua saúde. Eu, que já conhecia o livro Terço da Libertação, pedi a Jesus Cristo com fé, rezei, implorei pela saúde de meu afilhado.

Ele veio para Curitiba fazer a cirurgia, na qual eles iriam tirar um rim. Ele já estava na cama, com oito médicos ao seu redor. Fizeram exames e não constou nada. 

De repente, um médico saiu e falou para sua mãe: ´O menino, não sei como explicar, mas ele não tem nada; pegue seu filho e vá para casa, porque isso só pode ser milagre´. A mãe abraçou o médico e disse: ´Foi um milagre, mil vezes obrigada, aleluia, glórias a Ti, Senhor, aleluia!´
Só Jesus cura, salva e liberta."
(Lúcia/Matinhos)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para testemunhar uma graça que Deus Pai e Jesus operou na minha vida e na vida de meus filhos. Meu filho vivia brigando muito com o irmão mais velho. As brigas eram constantes e muito feias. Meu filho menor chegou a pegar faca para matar o irmão, isso por umas quatro vezes.

Meu filho chegou a ponto de levar a faca para a cama, para matar o irmão dormindo. Eu, como mãe, não sabia mais o que fazer; vivia desesperada, pois, há quatro anos, sou separada de meu marido.

Na separação, eu fiquei com a guarda deles; vivo uma vida muito difícil, pois sou sozinha e trabalho muito: fico 11 horas fora da minha casa. Eu ia trabalhar preocupada, pois eles ficavam mais tempo sozinhos.

Mas, como Deus é bom e maravilhoso, colocou uma pessoa muito especial na minha vida e, conversando com ela, eu estava muito desacreditada de tudo. Ia à missa, mas parecia que não adiantava; porém essa pessoa viu a minha situação porque o meu problema não era só os filhos; tinham vários problemas.

Essa pessoa falou para mim: ´Em primeiro lugar, você tem que limpar o seu coração, perdoar, tirar do seu coração toda mágoa. Toda essa revolta que você está sentindo da vida é porque você não buscou Deus na sua vida; coloca Jesus na sua vida e você vai ver que tudo fica mais fácil´.

Então me deu de presente o livro Terço da Libertação e me disse: ´Aqui está o remédio para libertar a sua dor´. No começo eu li, mas não entendi; essa pessoa que me deu o livro, me ligava e falava: ´Só Jesus pode curar você e seus filhos´.

Até que um dia Jesus tocou em meu coração, comecei a ler o livro e a rezar o Terço da Libertação todos os dias. Jesus foi tão maravilhoso comigo! Meus filhos pararam de brigar, estão se dando muito bem, vivem em harmonia. A minha vida mudou.

Eu vivo mais feliz, tirei toda a mágoa do meu coração. Eu experimentei Jesus, eu sinto a presença de Deus em minha vida 24 horas por dia. Agradeço muito ao meu amigo porque foi através dele que eu conheci o Terço da Libertação.

Agradeço a Deus Pai, a Jesus e Nossa Senhora Aparecida por ter conhecido alguém tão especial que me trouxe de volta para Deus. Mas Jesus não parou por aí, não: está acontecendo uma chuva de bênçãos na minha vida.

A minha vida está sendo transformada e para melhor, estou participando todas as terças-feiras da reunião do grupo de oração carismática. Agradeço a Deus e a Jesus, porque Jesus cura, Jesus salva, Jesus liberta.
Obrigada Jesus, glórias a Ti, Senhor. Amém, Jesus."
(Elena/Santa Fé do Sul)

_________________________________________________________________________

"Prezados irmãos em Cristo, é com imensa felicidade que escrevo para dar o meu depoimento.
Há cerca de dois anos, sofri com uma terrível depressão. Sentia uma ansiedade, um nervosismo imenso e medo, muito medo.

Tinha medo de tudo: de sair sozinha, de andar de ônibus, passar mal etc. Um dia estava tão desesperada com aquela situação, pois não sentia mais prazer e alegria em nada, e mesmo sentindo a cabeça muito ruim, aos prantos, lembrei do livro Terço da Libertação, sobre o qual a minha irmã já havia comentado comigo.

Mesmo com medo de me sentir mal na rua, saí a caminho da livraria. Consegui comprar o livro, voltei para casa e comecei a ler. Me senti fortalecida com os depoimentos, pois pensava que não teria mais cura para aquela depressão.

Não terminei de ler todos os depoimentos, pois estava ansiosa para rezar o terço. Rezei o terço várias vezes seguidas e já comecei a sentir as maravilhas de Jesus operando em meu ser. Graças a Deus, fiquei curada, continuo rezando esse terço todos os dias.

Já recebi outras graças através do Terço da Libertação, até mesmo o desaparecimento de um cisto, com as bênçãos de Deus. Freqüento um grupo de oração e sou outra pessoa: alegre e feliz. Ensinei várias pessoas a rezarem o Terço da Libertação e já presenteei algumas amigas com o livro.

Obrigada, Senhor, por todas as bênçãos que tem derramado sobre a nossa vida. Amém."
(A./Ponte Nova)

_________________________________________________________________________

"Quero testemunhar que, através do Terço da Libertação, consegui uma grande graça.
Eu tomava um calmante há quatro anos e fiquei dependente. Sem esse calmante, eu não dormia.

Se não tomasse um comprimido por noite, eu ficava completamente descontrolada o dia inteiro; dependia dele para viver.

Fiz o Terço da Libertação por várias vezes e pedia que Jesus me libertasse dessa droga; fui atendida, graças a Jesus, pelo Terço da Libertação.
Estou totalmente curada, hoje não lembro mais desse remédio, graças a Deus."
(Maria Aparecida/Votuporanga)

_________________________________________________________________________

"Escrevo para agradecer uma graça alcançada.
Após três anos de casada, decidi engravidar. Fiquei grávida, só que desde o início comecei a sentir dores de cólicas. Procurei pelo ginecologista, fui medicada e nada adiantou.

Como já conhecia o Terço da Libertação, comecei a rezá-lo, pedindo pela minha gravidez. No segundo mês de gravidez, as cólicas começaram a vir mais fortes e com mais freqüência. Tive queda de pressão e, numa dessas cólicas, comecei a sangrar muito: foi o começo de uma hemorragia.

Fui para o hospital e, ao ser examinada pelo médico, ele me disse que eu estava sofrendo um aborto. Quando fui para o hospital, eram mais ou menos 5 horas da tarde. Passei a noite no hospital, tomando soro e Buscopan.

E o médico me falou também que durante a noite, provavelmente, teria de fazer curetagem. E que seria melhor que eu perdesse o bebê, pois do contrário eu não teria um bebê normal. Fiquei frustrada, mas ao mesmo tempo eu não perdi a esperança.

Eu disse: ´O que o médico não pode fazer, Jesus fará´. Passei a noite em oração, rezando o Terço da Libertação: ´Jesus, tem piedade de mim, Jesus, cura-me, Jesus, salva-me, Jesus, liberta-me a mim e ao bebê que estou esperando.

O sangue que o Senhor derramou sobre a cruz, derrame-o sobre mim, a fim de que possa substituir o sangue que estou perdendo. E não deixe o médico me fazer curetagem, porque eu acredito na Sua providência´. Fui rezando, rezando e, quando me dei conta, já não estava mais sangrando.

Bendito seja Deus: após ter parado de sangrar, o médico voltou a me ver, desistiu de fazer a curetagem. Ele mesmo achou melhora em mim. De manhã, no outro dia, fez ultra-som e, para espanto de todos, eu não havia perdido o bebê.

E o melhor, estava tudo bem, não tínhamos nada. Depois voltei para casa, continuei rezando o Terço da Libertação, fiquei três meses de repouso, até firmar. Quando entrei para o sétimo mês de gravidez, eu escorreguei e caí de uma escada, até o quarto degrau.

Mais uma vez, Jesus nos salvou. Não houve nada de grave, a criança apenas havia mudado de posição. Após os nove meses, ela nasceu: era uma menina linda e forte, graças a Deus. Fez-se o teste do pezinho e não deu nada. Nasceu pesando 3,25 kg, com 50 cm. Já completou 2 anos de idade, seu nome é Aline.

E hoje eu escrevo agradecendo a Deus por ter me dado uma filha forte e saudável."
(Claudia/Itaúna)

_________________________________________________________________________

"Fui tocada pelo Espírito Santo de Deus para testemunhar uma grande graça que recebi para honra e glória do Senhor Jesus.

Teve um período da minha vida que, além de separada com três filhos adolescentes, eu estava sem emprego e, pior, muito doente, com começo de uma depressão que queria me devorar; mas eu orava, orava e orava cada vez mais: passei quase uma noite toda em oração, no quintal de minha casa, debaixo de um pé de caju.

Suplicando, eu pedia através da oração do Terço da Libertação: ´Jesus, tem piedade de mim! Jesus, cura-me! Jesus, salva-me! Jesus, liberta-me!´ Eu, com tantas dificuldades que passava, queria que Jesus me desse o emprego, mesmo estando doente.

Pedia quando comungava, pedia em oração, pedia nos pés do Santíssimo, pedia ao Espírito Santo de Deus e que a Virgem Maria, nossa Mãe, intercedesse também por mim. 

Eu fui atendida, meus irmãos! Jesus teve piedade de mim, me curou, me salvou das tribulações, das fraquezas, da depressão, me deu o emprego, mudou meu plano de vida; hoje sou uma pessoa renovada, alegre, feliz e próspera.

Prometo para Jesus: ajudar o meu irmão na hora que precisar; prometo para Jesus: continuar orando e acreditando que Deus, o único e verdadeiro, pode tudo, que nada é impossível ao que crê (cf. Mc 9,23). Quando orava, acreditava ter recebido a graça (cf. Mc 11,23).

Jesus, quero Te dizer que Te amo muito, que sou grata por todas as graças que fez acontecer na minha vida. Te agradeço, meu Deus, por me amar tanto.
Obrigada, Pai."
(Joanilde/Redenção)

_________________________________________________________________________

"Após conhecer o Terço da Libertação, minha vida mudou muito. Se fosse contar todos os testemunhos, escreveria meio livro, porém vou contar o que mais acho importante. Uma amiga se dizia descrente e resolvi dar-lhe um livro de presente, na sexta-feira.

Passei no local de seu trabalho e lhe entreguei; só a vi na sexta-feira seguinte, e com alegria ela me disse: ´Eram 11 horas da noite quando entrei em meu quarto e, desesperada, orei, fiz o Terço da Libertação pela minha avó que estava na UTI, desenganada pelos médicos. Acredite, às 5 horas da madrugada minha avó saiu da UTI e está completamente recuperada´.

Só mesmo um milagre, pois Deus agiu através de alguém descrente e fez ter fé e curou através da sua oração. Eis o que é o Terço da Libertação."
(Jussara/Chapecó)

_________________________________________________________________________

"Através desta, venho agradecer ao Senhor Jesus, nosso Amigo e Libertador.
Comecei a ter dores fortes no ouvido do lado direito. Fui ao médico e ele disse que era infecção de ouvido.

Durante quase um mês, semanalmente ia ao médico, e não passavam os zumbidos insuportáveis e a dor. Só aliviava momentaneamente, quando o médico efetuava a limpeza no local. Como a dor não passava, resolvi mudar de médico.

O novo médico me informou que meu tímpano estava perfurado (podendo ser até um erro do primeiro médico ao utilizar instrumentos já ultrapassados). Bom, aí foram antibióticos e injeções fortíssimas e nada de melhorar.

Quando o tímpano está perfurado, significa que não podemos deixar entrar uma gota sequer de água. Então os banhos e lavagem de cabeça só poderiam ser efetuados com a utilização de silicone. A dor e o zumbido alto e ininterrupto são terríveis.

Foram quase dois anos de sofrimento e consultas a vários médicos. A maioria dizia que seria necessária uma intervenção cirúrgica. Uma operação significa um enxerto e pode ser que ocorra a rejeição, principalmente na minha idade (41 anos).

Como já havia passado por uma cirurgia não fazia muito tempo, fiquei com receio. Mesmo sem infecção, o zumbido era ininterrupto. Quando uma gotinha de água entrava em meu ouvido, lá vinha a infecção.

Nesses dois anos, além de prejudicar outras partes de meu organismo, meu trabalho e minha vida familiar também estavam sendo prejudicados.

No Natal (inclusive na véspera tive que ir ao médico fazer limpeza, pois a infecção havia voltado e eu não queria passar o Natal com tais dores insuportáveis), ganhei o livro Terço da Libertação e, após ler tantos testemunhos, comecei a orar.

Notei que as infecções já não estavam tão freqüentes e os zumbidos cada vez mais fracos, alguns meses depois, dentro de uma semana (quase que todos os dias), ao tomar banho, o silicone caía sozinho no meio do banho e não tinha o que fazer.

A primeira vez, fiquei desesperada (aí vem infecção!) e foi assim quase que todos os dias, até eu sentir uma dor atrás do ouvido. Fui correndo ao médico. Ele fez a limpeza e saiu muita cera, bem seca.

Ele me perguntou se eu estava orando e disse que sim. Então me disse: ´Seu tímpano está totalmente fechado, não existe nem marca de que ele alguma vez ficou aberto´. Perguntou sobre minha audição e eu disse que havia notado melhoras.

Era hora de almoço e ele me pediu para fazer um exame de audição. Ficou aguardando, pois o local do exame era em outra clínica. Depois de algumas horas, retornei com o resultado do exame, e ele me disse: ´100% de audição´.

Ficou emocionado tanto quanto eu, que disse: ´Foi Jesus!´  No mesmo ano, poucos meses depois, conseguimos comprar nossa casa própria, muito linda, e sei que foi a mão de Jesus. Muitas outras graças temos recebido e sempre agradeço a Jesus por tudo. A maior felicidade deste mundo é ter um amigo chamado JESUS."
(Maria de Lourdes/Itatiba)

_________________________________________________________________________

"É com muita gratidão que venho, por meio desta, dar meu testemunho da graça que recebi através do Terço da Libertação. Inicialmente, digo-lhes que fui um fumante por mais de 28 anos. Nesses longos anos foram muitas as tentativas para abandonar o vício.

Tentei acupuntura e nada. Tomei muitos medicamentos que nada amenizaram o meu problema. O meu problema somente foi resolvido quando conheci o poder da oração do Terço da Libertação.

Hoje, diariamente, rezo o Terço da Libertação na certeza de que outros milagres e bênçãos hão de acontecer na minha vida, na minha família e na vida de todas as pessoas que recorrerem a Jesus através do Terço da Libertação.

Louvado e bendito seja Jesus Cristo!
Só Jesus cura! só Jesus salva! só Jesus liberta!"
(Abel João/Umuarama)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para testemunhar uma graça que minha irmã alcançou. Ela estava com um mioma no útero e o ovário crescido. Fez todos os exames, a ultra-sonografia, e a médica falou para ela que teria que tirar tudo: o ovário e o útero.

A minha irmã ficou desesperada, como todos nós da família; eu falei para ela rezar o Terço da Libertação. Comprei o livro e ela rezou, falei para ela esperar um tempo; com quinze dias que vinha rezando o Terço da Libertação, ela fez outra ultra-sonografia.

Quando levou o exame à médica, esta falou que o útero de minha irmã não tinha nada e o ovário estava normal, graças a Deus. Todos nós, da família, demos graças a Deus. Obrigada, Jesus!"
(Silvana/Maceió)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para testemunhar e agradecer a Jesus por uma grande graça alcançada em favor do sobrinho do meu marido.

Ele adoeceu do coração e os médicos declararam impossível a sua cura; mandaram-no para casa dizendo que sua vida não passava de uma semana; a família entrou em pânico, ninguém mais tinha sossego, e ele sentia grandes dores.

Ensinei para eles a oração do Terço da Libertação. Eles fizeram uma corrente de oração, rezavam várias vezes por dia, e ele ficou completamente curado.
Graças e louvores sejam dados sempre ao Senhor Jesus."
(Maria Lindalva/Paraipaba)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para testemunhar uma grande graça que recebi por meio da oração do Terço da Libertação; já recebi outras, mas esta é especial - é o meu emprego. Trabalhei muito anos em um banco, sempre tive trabalho e salário bom.

Mas há cinco anos perdi meu emprego e de lá para cá nunca mais arrumei um bom emprego, só temporários e com baixo salário, apesar de minha formação superior. Fiz vários concursos, mas não fui chamada para nenhum deles.

Eu estava desesperada, não conseguia nada no mercado de trabalho, todas as portas se fecharam para mim, estava quase em depressão.

Enquanto estava sem trabalho, passei a freqüentar um grupo de oração nas tardes de terça-feira, e foi muito bom para mim: lá aprendi muito sobre como orar, pedir, louvar e acreditar verdadeiramente em Jesus, acreditar que Ele nos ama e nos ouve.

Na porta da igreja, eu já tinha visto o livro Terço da Libertação, mas não conhecia seu conteúdo. Nessa época saiu o edital de um concurso público para o estado de Minas Gerais; eu me inscrevi e fui passar o final de semana na casa de minha mãe; ela me mostrou, então, o livrinho que uma amiga dela havia deixado para ela rezar.

Li todo o livro de uma só vez, fiquei até altas horas lendo os testemunhos. Decidi então que seria através dessa oração que Jesus me libertaria do desemprego. Chegando em casa, comprei um livro para mim, e durante seis meses, todos os dias, eu fazia oração e estudava.

Depois das três etapas do concurso, provas e títulos, saiu o resultado: eu tinha ficado em quinto lugar e só havia quatro vagas. Mesmo assim, não desanimei, continuei fazendo o terço da mesma forma, pedindo todos os dias, todas as horas a Jesus e a Nossa Senhora que me dessem uma daquelas vagas. Eu acreditava que algo iria acontecer e que uma vaga seria minha.

Essa certeza vinha da minha fé. Continuei perseverando na oração do Terço da Libertação. Os primeiros colocados não quiseram assumir suas vagas e, depois de cinco meses, saiu a minha nomeação. Hoje só tenho a agradecer, sou funcionária pública estadual.

A lição que ficou para mim e que quero compartilhar com vocês é que a proclamação do nome de Jesus, tantas vezes como é feita no Terço da Libertação, realmente move a mão de Deus em nosso favor.

Não importa quanto seja difícil ou impossível a graça desejada, ela virá por intercessão de Nossa Senhora e pelo infinito amor de Jesus por nós. Que este testemunho possa encorajar outras pessoas a acreditarem na bondade infinita de Jesus e no imensurável poder da oração."
(C.D.M./Uberlândia)

_________________________________________________________________________

"É com o coração transbordando de alegria que escrevo para dar meu testemunho de fé.
Há aproximadamente três anos, minha cunhada chegou à minha casa desesperada, pois os exames de meu irmão constataram câncer. 

Eu não sabia o que falar para confortá-la, eu também me desesperei. Só falei para ela ser forte, porque Deus jamais nos abandonaria numa hora tão difícil.

No dia seguinte fui ao supermercado e lá trabalhava uma conhecida minha, só conhecida mesmo, portanto, eu não tinha intimidades com ela a ponto de desabafar minha angústia, mesmo porque ela sempre estava muito ocupada atendendo os clientes.

Mas vejam como é grande a misericórdia de Deus, aqui começa a grande graça. Essa minha conhecida me chamou e disse que precisava conversar comigo. Se eu podia esperar um pouco. Esperei.

Ela me perguntou se eu conhecia o Terço da Libertação; eu já tinha visto o livro há muito tempo, mas nunca tinha lido, disse isso a ela. Então ela me deu um de presente. Foi assim que eu conheci o maravilhoso Terço da Libertação. Assim que cheguei em casa, já comecei a rezar o terço.

Rezava várias vezes ao dia, pedindo pela saúde de meu irmão. Dois anos depois, minha cunhada, a mesma do começo da carta, chegou à minha casa juntamente com meu irmão e deram a mais bela e maravilhosa notícia; os exames constataram: nada mais da doença, nada, nenhum vestígio dessa doença tão maléfica, tão horrível.

Graças a Deus, hoje eu escrevo e posso testemunhar essa grande graça alcançada. Mas vejam, a graça começou quando essa minha conhecida, sem saber da minha angústia, colocou em minhas mãos o Terço da Libertação. Muito obrigada, meu Jesus amado, muito obrigada, Rose, e muito obrigada, Regis e Maïsa."
(Maria Celeste/Vinhedo)

_________________________________________________________________________

"Há um ano e meio, minha filha foi internada no hospital com suspeita de tumor maligno no útero, e teria poucos dias de vida. Após vários exames, os médicos chegaram à conclusão de que ela deveria retirar útero, ovários e trompas, e começar as sessões de quimioterapia o mais rápido possível.

Ela ficou 26 dias internada. Juntamo-nos em orações e o Terço da Libertação foi muito importante nesse momento, pois orávamos dia e noite. Foram feitas duas cirurgias, sendo a primeira para constatar se era um tumor.

O resultado da biopsia deu negativo, para surpresa dos médicos que até então tinham certeza de que se tratava de um tumor em uma fase já avançada.

 Por isso resolveram fazer outra cirurgia, para ver a gravidade do problema, e outra biopsia foi feita, e um milagre aconteceu: depois de retirar útero, ovários e trompas foi constatado que tudo estava corroído. Mas Deus, que é o Médico dos médicos, já havia curado minha filha e até esse resultado foi negativo e hoje só temos a agradecer.
Para honra e glória ao Senhor."
(Efigênia/Ipatinga)

_________________________________________________________________________

"Com alegria gostaria que este testemunho fosse publicado, pois ele representa uma enorme graça na vida da minha neta. Graça concedida por Jesus, Aquele que cura, salva e liberta. Minha neta Valquíria, de 8 anos, teve um acidente horrível na cabeça, chegou a perder partes da cabeça, como massa encefálica.

Ficou quase dois meses internada e cinco dias na UTI. Foi nessa época que conhecemos o Terço da Libertação por meio de uma grande amiga, muito religiosa. Fizemos novena e correntes de oração rezando o Terço da Libertação.

Os médicos davam pouca esperança e diziam que, se ela sobrevivesse, ficaria com graves seqüelas. Hoje ela está bem recuperada, graças a Deus e ao Terço da Libertação.

Continuamos a rezar sempre o terço e sempre vemos graças alcançadas para honra e glória do Senhor Jesus."
(Izabel/Buritis)

_________________________________________________________________________

"É com carinho e gratidão que escrevo esta carta para testemunhar uma graça que recebi através do Terço da Libertação. Há cinco anos, meu primogênito nasceu com um tumor de gordura ´benigno´, localizado na região medular, que é considerada perigosa.

Meu filho nasceu perfeito, andou normalmente, mas com 3 anos de idade percebemos que, ao andar, ele entortava o pezinho. Levamos ao pediatra, que com urgência o mandou levar ao neuropediatra, e aí tudo começou.

O médico nos falou que ele tinha um tumor de gordura, na região medular, que iria paralisar os membros inferiores, caso não operasse, e que poderia ficar paralítico no ato cirúrgico e que a cirurgia podia ser feita somente em São Paulo, devido a um aparelho que se chamava ´Potencial Evocado´, que monitoriza toda a operação, em virtude da delicadeza da região onde se localiza o tumor.

Foi quando eu conheci o Terço da Libertação; comecei a fazer o terço dia e noite. Chegou finalmente o dia de viajarmos para São Paulo. Chegando a São Paulo, fizemos outra série de exames dolorosos. Que dias de loucura e desespero! A operação foi realizada.

No dia da operação, às 7h30, meu filhote foi levado para a sala e nesse momento pedi ao Senhor Jesus que no ato da operação a medula voltasse ao lugar ante os olhos do médico, como sinal de que meu filho iria ficar bom; quando retornei ao quarto, eu só rezava o tempo todo, estava em completo desespero.

Acreditava que meu filho não voltaria com vida para mim. Voltando meu filho para o quarto às 12h30, o anestesista falou que a medula suspendeu no momento da retirada do lipoma (tumor de gordura). Não canso de agradecer ao Senhor por esse milagre na nossa família.

Hoje, quase seis anos depois, agradeço, pela misericórdia do Senhor Jesus, a graça que alcancei. Meu filho tem 8 anos, anda normalmente (ficou com pequenas seqüelas, mas pelo tamanho da gravidade isso não é nada), é uma criança sapeca, muito esperta e saudável, corre o tempo inteiro, e estou planejando ter outro filho.

Louvado seja Deus pelo Seu socorro imediato e certeiro, pela Sua bondade e misericórdia!!!"
(Maria Solange/Ubaitaba)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para testemunhar uma graça alcançada pelo poder curador de Jesus que vem até nós, através da oração do Terço da Libertação.

Mudamos de São Paulo para uma cidade do interior, a fim de fugir da violência da cidade grande, e passamos por uma grande adaptação e muitas necessidades; ficamos desempregados, eu e meu esposo, por muito tempo além do previsto; temos dois filhos e não conseguíamos emprego, apesar de já termos profissão, mas, mesmo assim, nada; parecia que nada ia acontecer na área profissional.

Vendemos alguns bens (carro, moto, TV, fax, computador...). Passamos por muitas dificuldades, mas não tínhamos brigas, discussão, discórdia no nosso lar. Sentíamo-nos acolhidos pelo Espírito Santo mesmo.

Ganhamos algumas cestas básicas de pessoas que nem conhecíamos, pois éramos novos na cidade.
Sou catequista de muita fé, convidei meu esposo para rezarmos juntos o Terço da Libertação.

Pedimos juntos que Deus nos libertasse daquele sofrimento, pois o trabalho é a dignidade do indivíduo para criar sua família; que Ele fizesse a Sua vontade. Pois bem, o milagre aconteceu mais rápido do que se esperava.

Tínhamos espalhado curriculum por todos os lugares. Fomos convidados a trabalhar na segunda maior empresa desta cidade, eu comecei no mês de maio e meu esposo no mês de junho, com salário decente, e até hoje estamos trabalhando graças à misericórdia de Deus e ao nosso bom Jesus.

Louvamos e agradecemos todos os dias ao Senhor Jesus pelas bênçãos a nós concedidas, pois é só nEle que encontramos a verdadeira libertação."
(Antônia/São José do Rio Preto)

_________________________________________________________________________

"É com muito prazer que estou escrevendo esta carta para dar o meu testemunho da graça que alcancei através da oração do Terço da Libertação. Tenho uma irmã que mora nos Estados Unidos, ela está lá já faz dois anos e meio, ela engravidou de seu primeiro filho.

Quando me deu a notícia fiquei muito feliz, tudo ia muito bem, mas ela foi fazer uma ultra-sonografia e o resultado foi que a criança estava com um nódulo na cabeça, que ia ter que interromper a gravidez.

Ela ligou para mim e estava desesperada, porque era seu primeiro filho; eu chorei muito, pois tenho um casal de filhos e são perfeitos, e me perguntava porque o dela também não poderia ser.

Foi então que fiz uma novena com o Terço da Libertação, pedindo que os exames que ela ia fazer dessem tudo negativo. Rezei muito e pedi a Jesus que tudo desse certo.

Quando um dia ela me ligou dizendo que a nenê não tinha mais nada na cabeça, fiquei muito feliz, pois Jesus ouviu as minhas preces. A nenê já nasceu, é uma menina e seu nome é Vitória, é perfeita, pois foi mesmo uma vitória, porque Jesus a curou. 

Minha irmã está muito feliz e eu também; agora espero a volta deles para o Brasil para conhecer a pequena Vitória. Obrigada, Jesus! Louvado seja o Seu nome.
Jesus nos escuta quando nós O chamamos."
(Zilda/Umuarama)

_________________________________________________________________________

"Escrevo para dar um testemunho de cura, salvação e libertação em nome de Jesus, através da oração do Terço da Libertação, para glória de Jesus Cristo, nosso Senhor! Há mais de quarenta anos tenho insuficiência renal crônica.

Hoje com 61 anos, já desesperada e pensando em hemodiálise e transplante, fiquei uma mulher triste e quase pedindo a morte. Desde os 6 anos vivia doente, casei, criei, com a ajuda de Deus, três filhos e uma adotiva.

Hoje me sinto curada, pois alcancei a cura através da oração do Terço da Libertação. Com a ajuda de Deus, agradeço a Jesus, aleluia! Obrigada, Senhor! Mil vezes obrigada, Nossa Senhora, nossa Mãe; agradeço, pois só Jesus cura, só Jesus salva e só Jesus liberta! Essa oração é cheia de paz e de amor de Jesus; também agradeço pela oportunidade de emprego dos meus três filhos e pela saúde de meus filhos e netos. Continuo orando!"
(Mary/Uberlândia)

_________________________________________________________________________

"Meu nome é Cremilda, venho, através desta carta, agradecer pelas bênçãos que tenho recebido; tenho passado por muitas dificuldades na vida. Já havia perdido todas as minhas esperanças de lutar contra o mal que tomava conta de mim, pois tive depressão e tentei o suicídio.

Fui hospitalizada. Havia perdido o emprego, estava passando por vários problemas financeiros, fiquei totalmente na miséria, não havia como sair dos problemas, até que conheci uma pessoa e, conversando com ela, contei o que estava acontecendo com minha vida e com minha família; então ela me emprestou o livro Terço da Libertação.

Comecei a rezar durante nove dias. Quando terminei, me apareceu um emprego. Então começou a mudar minha vida, paguei todas as dívidas, comprei um terreno e mobiliei a minha casa. Eu havia vendido tudo, para que não faltasse a comida das minhas filhas. Hoje estou com a vida mudada, sou muito feliz com a vida que estou levando."
(Cremilda/Itatiaia)

_________________________________________________________________________

"É com muita alegria que quero partilhar com vocês um milagre muito grande em minha vida.
Eu tive que fazer uma cirurgia na mama direita.

Os médicos suspeitavam de câncer de mama; eu entrei em desespero e comecei a rezar o Terço da Libertação todos os dias, pedindo a Jesus que não tivesse nada. Graças a Deus, o exame não deu nada.Depois de um ano e dois meses, fiz os exames outra vez.

O médico disse que não tinha dado no exame o mesmo problema que deu havia um ano e dois meses na mama direita; deu agora na mama esquerda. O médico da cidade onde moro me encaminhou para o hospital das clínicas de Ribeirão Preto.

Quando fui para lá, para fazer a cirurgia, os médicos fizeram antes o agulhamento, mas os fios da força tinham queimado. Eles não fizeram a cirurgia e me levaram para uma sala, para cortar a agulha; fiquei com essa agulha durante 30 dias na mama esquerda.

Marcaram a cirurgia, novamente; fiz o agulhamento e fui para a sala de cirurgia. Fiquei uma hora e trinta minutos na sala de cirurgia e eles não conseguiram tirar todos os tumores para fazer o exame e também não tiraram todas as agulhas; fiquei com a agulha dois meses e meio.

Os médicos marcaram o retorno, para eu saber o resultado do exame; eles me disseram que era o começo de um câncer de mama, portanto, eu tinha que fazer outra cirurgia, que foi marcada para dali a duas semanas. Como sou muito católica, eu já rezava o Terço da Libertação.

Comecei a rezar com muita fé e pedir a Jesus que Ele fosse naqueles papéis do resultado do exame e fizesse com que não fosse verdade. Rezei e confiei em Jesus e fui curada por Ele.

Quando os médicos estavam fazendo a primeira cirurgia, eu escutava eles falarem uns para os outros que minha mama estava toda tomada e que, do jeito que estava, tinham que tirar a mama inteira.

Mas eu rezava o Terço da Libertação todos os dias, chorando e pedindo a Jesus que fosse naqueles papéis e apagasse aqueles resultados. Eu não tinha a quem chamar a não ser Jesus; conversava muito com Ele e Ele me ouviu. Marcaram um outro retorno para mim, e fui saber o segundo resultado.

Os médicos disseram que o exame não deu nada, e eu perguntei: ´Como não deu nada, se no primeiro resultado vocês disseram que tinha dado um começo de câncer de mama e que depois da segunda cirurgia, quando saísse outro resultado, eu teria que fazer a radioterapia e começar a tomar remédio para o resto da vida?´ Eles pediram muitas desculpas, mas eu disse que não tinha que desculpar nada. Foi um milagre que Jesus fez em minha vida.

Foi um milagre que aconteceu! Estou muito feliz com tudo isso que aconteceu em minha vida. Eu tenho Jesus vivo dentro do meu coração. Fiquei com esse pesadelo três meses, só chorava e conversava muito com Jesus. O meu consolo era Ele e mais ninguém. O que aconteceu foi um milagre muito grande. Eu conto a quem não acredita.

Obrigada, Jesus, por esse milagre em minha vida. Obrigada, Jesus; tenho Jesus em minha vida, vivo e puro no meu coração. Como eu Te amo, Jesus! Vou rezar o Terço da Libertação todos os dias enquanto eu estiver viva. Eu me sinto muito segura com Jesus."
(Maria de Fátima/Santa Cruz da Esperança)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para testemunhar uma graça que alcancei rezando este abençoado Terço da Libertação e muitas orações de cura que ganhei, principalmente da minha mãe, que até hoje reza pelos filhos, todos os dias.

Estava grávida de dois meses e meio quando tive deslocamento de placenta; acordei de madrugada com um forte sangramento. Meu marido e eu fomos para o hospital. O médico disse que não havia remédio para segurar o nenê, passou um soro apenas para hidratar.

Ao amanhecer, mandou-me para ecografia, para ver se o nenê estava morto. Com o resultado em mãos me perguntou: ´O que vamos fazer?´ E eu disse: ´Como assim?´ Ele: ´Quer tirar o feto?´ Eu: ´Ele está vivo ou não?´ Ele: ´Está vivo, ainda não foi atingido em nada, mas seu útero está dilatado 4 cm, a placenta está baixa, correndo o risco de abortar a qualquer momento, até mesmo quando você ficar de pé´. 

Eu, naquele momento, pensei firme em Deus e me lembrei do Terço da Libertação. Só Jesus cura, salva e liberta. Respondi ao médico que, se Deus quisesse, eu queria ter aquele filho. Com seis meses, minha placenta estava no lugar certo e a minha filhinha continuava a se desenvolver normalmente.

Em seguida, minhas plaquetas do sangue baixaram, minha gravidez continuava de alto risco. Mantivemos a fé em Nosso Senhor Jesus Cristo e nossa Mãe Maria santíssima: continuamos a rezar com fé. Aos nove meses nasceu a Stella, perfeita, saudável, linda, e hoje está com 10 meses e 17 dias.

Está engatinhando, já quase caminhando. Logo após o parto, minhas plaquetas do sangue normalizaram, graças a Deus. Meu marido e eu temos duas filhas lindas e perfeitas: Isabella de 5 anos e Stella de 10 meses.
Somos uma família muito feliz, graças e louvores vos damos, Senhor Jesus!"
(Marcia/Ceilândia Norte)

_________________________________________________________________________

"É com grande alegria e com o coração agradecido a Deus e a Jesus que dou o meu sincero testemunho com relação a mais uma grande graça conseguida através da devoção do Terço da Libertação. Eu fui ao médico, porque estava com um caroço no pescoço; então ele me pediu todos os exames para que eu fizesse uma cirurgia para retirada do caroço.

Comecei a pedir a Jesus, por intermédio do Terço da Libertação, que todos os exames dessem normais e o resultado da biopsia fosse bom, para eu fazer uma cirurgia bem tranqüila. Quando recebi os exames, levei-os para o médico ver e marcar a cirurgia.

Ao checar os exames ele viu que o resultado estava bom e foi me examinar, para ver o caroço e marcar a cirurgia. Constatou, com grande surpresa, que não havia mais caroço algum; ficou surpreso e perguntou para mim se eu tinha engolido o caroço.

Então pude sentir no meu coração que eu tinha alcançado essa grande graça, não foi necessário fazer cirurgia alguma. Obrigada, meu Deus, por mais uma graça em minha vida."
(Francisca/Boa Viagem)

_________________________________________________________________________

"Há dois anos meu pai sofreu um infarto, os médicos disseram que ia ser muito difícil ele se salvar. Ficamos todos desesperados; eu e minha mãe íamos todos os dias, cedinho, para o hospital, esperar uma notícia boa.
Foi então que conhecemos uma mulher com o nome de Glória.

Ela nos apresentou o Terço da Libertação e nos deu muita força. No dia seguinte, meu tio veio visitar meu pai e, como eu passava o dia inteiro lá no hospital, ele me deu um dinheiro para que eu fosse lanchar, mas, ao invés de lanchar, eu fiz melhor e comprei o livro Terço da Libertação e comecei a orar.

Meu pai, graças a Deus, se curou e hoje vive bem, trabalhando e fazendo tudo que sempre fez. Então esse é o amor de Deus na minha família, Ele salvou não só meu pai, mas a todos nós. Agradeço a Deus, que nos ama tanto, também à Glória, que nunca mais vi, mas não esqueço dela, e a vocês, que nos trazem sempre esse livro maravilhoso."
(Carolina/Feira de Santana)

_________________________________________________________________________

"Quero testemunhar o poder do Terço da Libertação.
Meu marido deixou de freqüentar a igreja faz uns 22 anos; tinha muita mágoa e ressentimento no coração, não queria perdoar o irmão dele, gêmeo.

Foi aí que minha irmã me mandou rezar o Terço da Libertação três vezes ao dia; eu comecei a rezar todos os dias, quando não dava, rezava apenas duas ou até mesmo uma dezena, mas nunca deixei de rezar, até que um dia ele veio a perdoar o irmão com quem não falava havia dez anos.

Com o passar do tempo, ele começou a rezar o terço, e eu também não parava de rezar por ele, até que um dia ele me disse que ia voltar a ir à missa. Eu fiquei muito feliz porque ensinei a ele rezar o Terço da Libertação.

Passados os dias, ele me disse que ia se confessar para o Natal daquele ano, e eu nem pude acreditar, de tanta emoção. Como Deus é bom e o Terço da Libertação tem poder! Graças ao Pai, hoje ele é outra pessoa e eu continuo rezando.

Tenho cinco filhos e hoje quero louvar e agradecer a Deus pelas graças recebidas, e estou dando o meu testemunho."
(***/Santa Rita do Sapucaí)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para agradecer a Deus e a Nossa Senhora a milagrosa oração do Terço da Libertação.
Eu estava grávida de três meses; quando vinha voltando para casa do trabalho, o ônibus em que eu estava passou por um buraco e eu tomei um susto imenso.

Ao descer do ônibus, percebi que estava sangrando; aí me desesperei, pedi socorro a um taxista e ele me disse que não podia me ajudar, pois iria sujar o carro dele.

Saí andando devagarinho, até que consegui chegar a um orelhão e liguei para a casa de minha mãe; minha irmã caçula, que atendeu o telefone, chamou de imediato um taxista amigo nosso e ele me levou para o hospital.

Chegando lá, o médico me disse que a hemorragia estava muito forte, passou alguns remédios e disse-me que, se continuasse o sangramento, o bebê não iria sobreviver, pois o caso era muito sério. O saco gestacional tinha rompido numa área rara.

Saí do hospital arrasada, foi uma tristeza para toda a família; mas a minha mãe, que é uma senhora muito católica - louvo e agradeço a Deus por ela ser assim - foi rezando o Terço da Libertação todos os dias.

Para a glória de Jesus, o sangue estancou e o bebê está aí, hoje com 2 anos e 9 meses, e se chama Miguel Ângelo. Louvado seja Deus, que cura, salva e liberta através desse Terço da Libertação tão poderoso e tão maravilhoso! Obrigada, Senhor, pela graça recebida!"
(Ioneide/Manaus)

_________________________________________________________________________

"É com muita alegria que dou meu testemunho para o Terço da Libertação. Minha mãe tem hoje 86 anos. Quando descobriu o câncer nos ossos, através de uma cintilografia óssea, estava com 83 anos. Ela não ficou sabendo da doença, só os filhos. Começaram os tratamentos.

Eu comecei a rezar o Terço da Libertação; depois de quase três anos de tratamentos e orações, foi feita outra radiografia. Para nossa alegria, o médico disse que só poderia ser um milagre: o câncer, que estava em várias partes do corpo, nos ossos, havia desaparecido.

Eu falei para ele do Terço da Libertação. Só Jesus Cristo, com Seu amor e bondade, pôde atender tamanho pedido. Peço a todos que creiam e tenham fé, do fundo do coração, que tudo pode com o amor de Jesus Cristo. Ele cura, salva e liberta.
Muitas vezes obrigada, Jesus."
(Dalva/Coimbra)

_________________________________________________________________________

"Tomei conhecimento do Terço da Libertação através de minha vizinha.
Tenho 18 anos e, havia três anos, tinha um nódulo em meu pulso que doía muito, impedindo-me de realizar vários trabalhos.

O médico havia dito que somente uma operação resolveria, e isso eu não queria, pois tinha muito medo. Foi então que comecei a rezar o Terço da Libertação. Em pouco tempo não sentia mais dor e o nódulo foi desaparecendo aos poucos, sem precisar da operação.

Hoje posso fazer de tudo, graças ao Senhor Jesus. Também já recebi outras bênçãos e sei que, em tudo o que necessitar, Jesus sempre estará comigo, pois só Ele cura, salva e liberta.
Obrigada, Jesus, por tudo."
(Patrícia/Santa Cruz do Rio Pardo)

_________________________________________________________________________

"Venho, através deste testemunho, agradecer ao Nosso Senhor Jesus Cristo e ao Terço da Libertação, pois já fazia um ano que minha esposa tinha me deixado, ido embora de casa.

Foi um sofrimento total, entrei em depressão, não tinha ânimo para mais nada, pois eu amo minha esposa. Foi quando comprei o livro Terço da Libertação, rezei o terço três dias por intenção do meu casamento e minha esposa voltou. Hoje somos felizes, graças a Deus. 

Só Jesus cura, salva e liberta. Glórias ao Nosso Senhor Jesus Cristo, o meu Tudo."
(***/Brasília)

_________________________________________________________________________

"Quero agradecer a Deus e a Jesus a graça de ter descoberto essa oração do Terço da Libertação. E mais, ganhei um livrinho, agradeço de coração, muito obrigada, meu Jesus e meu Deus.

Vou lhe contar: eu estava assistindo à TV por acaso, coloquei no programa Raboni e você, que me chamou muito a atenção, me encheu de entusiasmo, mas o meu pensamento falou: ´Meu Deus! Um programa tão maravilhoso e esses livrinhos! Mas tão longe, é tão difícil, lá em São Paulo, quando é que eles vão chegar aqui no interior? É tão difícil, ainda não ouvi ninguém falar nesses livrinhos.

Vai custar muito chegar aqui´. Quando um dia, havia poucos meses que eu assistia ao programa, estava concentrada assistindo, a porta se abriu, eu olhei e era uma irmã que mora aqui bem pertinho (na mesma rua). Ela entrou e ficou em silêncio, assistindo.

Quando terminou, ela se dirigiu a mim e entregou um embrulhinho; desembrulhei e quase não acreditava! Um livrinho Terço da Libertação! Que alegria! Foi um presente de Jesus, Deus! Sempre que eu assistia a esse programa, no meu pensamento era como se fosse uma fita: passavam as mesmas palavras, mas Deus me fez uma grande surpresa, foi o primeiro livrinho que vi, foi o meu.

Não foi um presente de Deus? Ele mostrou que descobre os nossos pensamentos mais ocultos. Eu não deixaria de divulgar esse misterioso milagre. Bilhões e bilhões de vezes agradeço a Jesus e a Deus por essa grande bênção.
Muito obrigada, meu Jesus e meu Deus!"
(Ana/Luís Gomes)

_________________________________________________________________________

"Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo pela Sua misericórdia. Hoje quero dar testemunho como forma de agradecimento e como incentivo às pessoas a acreditarem no poder desta oração do Terço da Libertação. Com ela, consegui três graças e louvo a Jesus por isso.

Há uns quatro anos, eu estava com uma grave infecção no dedo do pé, era provável até perdê-lo, mas encontrei em casa o livro Terço da Libertação e comecei a rezá-lo com fé. Dias depois pude ver a cura realizada.

O outro é que eu já estava desempregada havia vários meses e atolada em dívidas, quase entrando em depressão. Comecei a rezar o Terço da Libertação e dois dias depois consegui um emprego. Glórias a Ti, Jesus.

E esta última graça foi muito, mas muito importante para mim, para meu crescimento, para minha fé. Havia cometido na minha vida vários erros, tinha me afastado de Deus e, na minha vida, já não existiam verdades, só mentiras. Era todo tipo de mentira, das mais horríveis até as pequenas omissões. Devagar foram descobrindo tudo.

O meu namorado, que tanto amo e que já havia me ensinado tantas coisas boas, me deixou ao ver que eu era uma mentirosa, pois não poderia confiar em mim. Foi uma perda muito difícil de superar, tanto que quase fiz uma besteira, mas a misericórdia de Deus não permitiu.

Comecei a rezar com muita fé o Terço da Libertação por ele, para que Jesus o libertasse de toda mágoa, ofensa e, talvez, de toda a raiva que ele estava sentindo pelas mentiras que cometi. Pedi que ele fosse mais dócil, pois já me tratava mal e com toda razão.

Insisti com Jesus que o libertasse, porque o amava e o queria de volta, por saber que ele gostava de mim, que era uma ótima pessoa e que poderia me fazer feliz. Jesus me atendeu. Hoje somos muito felizes, mas como não?! Tendo como padrinho e madrinha: Jesus e Maria.

Tendo-os como nosso escudo protetor contra todo mal. Libertei-me também de toda mentira, confessando-me e pedindo, com arrependimento e vontade de mudança, perdão a Jesus.

Ele me perdoou. Hoje dou este testemunho e peço que o coloquem no livrinho para que as pessoas, ao lerem, saibam que, quando temos fé e confiamos, nada, nada é impossível. Acreditem e recitem essa oração com fé, Jesus os atenderá."
(Maria Geralda/Paracatu)

_________________________________________________________________________

"É com muita alegria que venho registrar o testemunho de uma graça recebida através do Terço da Libertação. Conheci esse poderoso terço através de uma amiga, freqüentando o grupo de oração, na cidade vizinha de onde moro.

Na época li todos os testemunhos e fiquei bastante comovida, recebi também algumas graças, mas nenhuma tão grande como a que descrevo: eu e minha família fomos passar férias de janeiro na cidade de Bauru, onde mora toda nossa família.

Minha filha Laura estava na expectativa por esses dias, pois não temos parentes onde moramos; a referência é toda de nossa cidade. Chegamos na quinta-feira com muitos planos para aquele verão.

Meu marido Carlos voltaria no domingo para casa, pois não conseguiu férias; porém, no sábado, meu filho Victor, então com nove meses, acordou com febre e bastante irritado.

Levamos ao pronto-atendimento e o diagnóstico foi de uma otite, e o tratamento adequado era antibiótico; ele foi medicado nos horários e medidas recomendadas pelo médico do plantão. No domingo ele acordou um pouco melhor, mas a febre voltava após o efeito do remédio; como previsto, meu marido voltou para nossa casa.

Segunda-feira, o Victor estava chorando muito, o quadro dele havia piorado, ele não havia dormido quase nada, estava irritado e eu, cansada e angustiada. Levei-o ao pediatra, ele trocou o medicamento e nada. Estava desnorteada: mais uma noite de angústia para mim e meus pais, mas o Victor já quase não se mexia, só gritava e vomitava, seus olhos não se moviam.

Corremos para o hospital; meu desespero constatou o que eu não queria ouvir: o diagnóstico foi de uma meningite - fui saber mais tarde que era muito grave, com um nível altíssimo de bactérias. Meu Deus! Fiquei paralisada, não conseguia pensar nem imaginar as horas, os dias que estavam por vir.

As palavras que vieram à minha cabeça foram: Jesus, tem piedade do meu filho Victor, Jesus, cura meu filho, Jesus, salva meu filho, Jesus, liberta meu filho Victor! Meu marido chegou, nem sei como, em Bauru e, na mesma madrugada, o Victor foi transferido para a UTI neonatal de um hospital com mais recursos; o ´anjo´ que cuidou de meu filho, doutor Álvaro, apenas conseguiu me dizer: 

Tenha certeza de que, se Jesus não estiver aqui, Seus anjos estão, para ajudar a cuidar de seu filho!´ Desmanchei-me em lágrimas, meu Deus! Se o médico já havia entregado o destino de meu filho em Sua confiança, eu não poderia desanimar e muito menos duvidar.

Jesus, tem piedade do meu filho Victor, Jesus, cura meu filho, Jesus, salva meu filho, Jesus, liberta meu filho Victor! A família se reuniu, e se uniram em orações todas as pessoas que souberam. Formou-se uma grande corrente.

Eu rezava o Terço da Libertação dia e noite, o quadro dele, gravíssimo, não se alterava: estava sem reações, em choque, os órgãos começavam a paralisar, ele precisou tomar sangue, pois todo o líquido do corpo havia sido ´seqüestrado´; passaram-se 48 horas e nada mudava, não havia reações positivas; eu pedia a Jesus um sinal, pois a confiança de cura para mim era grande.

Pedia que Jesus me devolvesse o Victor sorridente, feliz como sempre fora: uma criança forte, linda como Ele havia me presenteado. As poucas horas que dormia, adormecia rezando. Ao amanhecer o sábado, tive uma visão, um sonho, não sei ao certo: vi Nossa Senhora com meu filho em seus braços.

Acordei assustada com uma ligação do hospital: iriam submeter meu filho a uma nova coleta de líquor da medula, pois suspeitavam que a bactéria tivesse se alojado no cérebro, causando alguma seqüela; durante todo o tempo do exame, rezava em voz alta o terço, implorando a Jesus a cura e libertação do meu filho.

Quando a médica retornou, ainda sem o Victor, eu disse para ela: ´Jesus curou meu filho!´ Ela, muito calmamente, me disse: ´Aguarde, mãe, a tomografia está sendo realizada, o resultado do soro ainda não saiu; aguarde, pois seu filho está muito prostrado: ele não chora, não tem reações´.

E eu afirmei: ´Meu filho está curado!´ Eu tinha certeza, algo dentro de mim me dava essa convicção.
Quando estávamos no corredor de acesso à UTI, encontramos a médica infectologista, que havia colhido o líquor de meu filho; ela sorriu para mim e meu marido, dizendo: ´O número de células infectadas do Victor está zerado, seu filho está curado!´ Eu ajoelhei aos seus pés e agradeci a Deus, ali na sua frente.

Corremos para a UTI. Depois de muitos dias era a primeira vez que meu filho nos via sem máscaras, aventais; pude abraçar e beijar o Victor, e ele me devolveu um lindo sorriso. No sétimo dia da novena meu filho estava milagrosamente curado, sem nenhuma seqüela. Eu continuei até o fim.

A recuperação foi a melhor possível. Jesus teve piedade do meu filho; doutor Alvaro, o neuropediatra, nos afirmou com toda certeza que não tinha sido ele que havia curado meu filho: a cura completa, sem nenhuma seqüela, era obra de Jesus. Obrigada, Maria, mãe de Jesus; obrigada, Senhor por não me abandonar. Obrigada por devolver meu filho."
(Elizabeth/Cerquilho)

_________________________________________________________________________

"Este é o meu testemunho! Há cinco anos sofri uma grande decepção: descobri uma grande traição do meu marido. Fiquei um ano e dois meses com depressão profunda, sofri muito, mas sempre participando das missas e rezando para que Deus me desse uma solução na minha vida.

Um dia, por uma grande fraqueza, resolvi tirar a minha vida; foi aí que o Senhor Jesus me mostrou o Seu grande poder. Eu dormi e, quando acordei, tinha sonhado com uma voz de homem que me dizia: ´Filha, Eu estou com você, não desanime, você vai vencer´, e repetia várias vezes: ´Reze o Terço da Libertação´.

Eu nunca tinha ouvido falar nesse terço, mas no meu sonho havia uma loja com uns livrinhos vermelhos na estante. No dia seguinte, fui procurar essa loja, encontrei o livrinho. Comecei a rezá-lo dentro de uma grande igreja e, pronto, a minha vida mudou! Cheguei em casa, dei um chute na depressão, chamei meu marido e disse: ´Você, tome uma atitude´. 

Ele continuou a me enrolar. Tomei coragem, joguei as roupas dele para fora e coloquei-o fora da minha casa, fora da minha vida; coloquei no seu lugar e no lugar da depressão este Jesus que ocupou espaço no meu coração e me deu coragem, alegria para viver e muita fé para vencer.

Fiz doação de nove livrinhos Terço da Libertação para várias pessoas e falei sobre o valor espiritual deste terço; e todos que rezaram receberam grandes milagres. Hoje, meus amigos, sou uma mulher feliz, cheia de saúde e amor, e também muita fé.

Venço qualquer obstáculo, porque este Jesus maravilhoso está comigo e não solta da minha mão nenhum segundo da minha vida. Obrigada, Jesus, obrigada, meu Deus, obrigada Senhor por tudo o que tenho e por tudo o que sou. Senhor, tem piedade de mim, Senhor, cura-me, Senhor, salva-me, Senhor, liberta-me."
(Eva/***)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para dar testemunho de uma grande graça que recebi. Desde que era solteiro, tinha uma vida financeiramente desequilibrada, por causa de bebedeiras, farras e jogos. Casei-me e continuei por mais de um ano na mesma situação.

Mas, graças a Deus, libertei-me das farras e bebedeiras, porém continuei com apostas em jogos de azar, o que me levou ao fundo do poço, mergulhado em dívidas de tal maneira que meu ordenado mensal não dava mais para as despesas de casa, tais como mercado, aluguel, farmácia, água, luz, telefone e gás.

O meu ordenado era exclusivamente para pagar juros a bancos e agiotas. Certo dia, ouvindo um programa da rádio local, ouvi rezarem o Terço da Libertação; no dia seguinte, minha esposa pediu que eu comprasse o livro Terço da Libertação.

Começamos a fazer a oração do Terço da Libertação todos os dias, individualmente e em família, com fé e esperança de receber a graça de pagar as dívidas. Recebemos outras graças muito importantes, mas esta graça que hoje testemunho é que já estamos completamente livres das dívidas.

Não precisamos mais comprar fiado. Temos uma vida simples, porém feliz, contentando-nos com o que temos. Estou escrevendo para agradecer, de público, ao Nosso Senhor Jesus Cristo pelo Seu infinito Amor. Também agradeço a intercessão de Nossa Senhora e de São Judas Tadeu, Apóstolo, meu patrono."
(Edimilton/Bahia)

_________________________________________________________________________

"Há quatro anos, quando contava com 16 anos, sentia dor aguda nos músculos e uma fraqueza que me impedia de realizar algumas tarefas. Fiz vários exames, mas os médicos não descobriam de onde vinham essas dores. Porém meus exames de sangue apresentavam alterações, indicando infecção. 

Submeteram-me aos mais variados e sofisticados exames. Descobriu-se então uma miopatia, doença rara e incurável. Encaminhada a médicos especialistas na doença, e com novos exames, verificaram uma infecção no fígado, que, ao passar por uma biopsia, diagnosticou uma hepatite auto-imune.

Recebi o tratamento adequado para esse tipo de doença, que não poderia agravar para cirrose, e sim abaixar o grau da infecção. Após dois meses, ao repetir os exames, verificou-se um aumento da infecção, mesmo com os medicamentos.

As dores aumentavam e eu sofria com enjôos e ânsia de vômito ao olhar para a comida. Estava emagrecendo mesmo tomando corticóide, eram vários os médicos envolvidos no meu tratamento sem entender a reação do meu corpo.

Foi então que fui encaminhada para Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, a um médico especialista de fígado, para fazer uma nova biopsia e, se necessário, um transplante de órgão. Toda essa situação me deixava ainda mais fraca e insegura quanto à minha situação.

Nessa época eu já tinha 18 anos e tive que sair do meu emprego, por não agüentar a dor e pelos tratamentos, que eram sempre fora do meu estado. Recebi o apoio de muitos amigos e parentes, porém o que mais agradeço é a oração que sei que faziam por mim.

Ganhei o livro Terço da Libertação da minha avó, que pediu que eu rezasse com muita fé, pois ela acreditava que eu ficaria curada. Fiz também uma promessa que hoje estou cumprindo, que é enviar meu depoimento.
Fiz o terço conforme está explicado e acredito que ajudou muito a aumentar minha fé.

Pois é com esta fé que hoje posso dizer que estou curada. Um dia antes de viajar para o tratamento de Porto Alegre, rezei muito e pedi a Deus que, se fosse preciso uma cirurgia, eu queria ser operada pelas Suas mãos, pois acreditava no poder da oração.

Tive um sonho muito real: que estava sendo operada, mas não via médico, apenas mãos refletidas com luz. Quando acordei, estava suada e ao mesmo tempo me sentia muito bem, não havia mais fraqueza no meu corpo e sim uma forte vontade de falar para todo mundo que eu estava curada.

Corri a contar para minha mãe e ela, quando me ouviu falar com tanto entusiasmo, acreditou no que contei e viu que eu não tinha mais dores. Mesmo assim, achou melhor fazer os exames com outro médico e, como eu já imaginava, os exames comprovaram minha cura.

Não havia nada mais de infecção, os exames estavam mais do que normais e, o melhor, eu não sentia os sintomas. Sentia, sim, muita fé e alegria por receber tamanha cura.  Os médicos não entenderam os resultados do exame e simplesmente me falaram: ´Garota, você não tem mais nada, não há explicação; vamos fazer controle e esperar que não manifeste mais nada´.

De fato, já se passou um ano e meio, repeti todos os exames e estou curada. Agradeço primeiro a Deus, a todos que fizeram orações e à minha avó, que me deu um livro tão maravilhoso, por permitirem que se fortaleça nossa fé diante dos testemunhos. Acreditem: a fé cura e para Deus não existe impossível. Amém."
(Daiana/Blumenau)

_________________________________________________________________________

"Escrevo-lhe esta maravilhosa graça alcançada, com muito carinho e amor que tenho dentro de meu coração. Recebi de presente este divino livrinho, Terço da Libertação, de uma pessoa muito especial para mim.
A Luciana é a noiva de meu sobrinho. Que Deus abençoe esse casal lindo.

Eu estava começando a entrar em depressão, ou melhor, eu acho que já estava deprimida. Já não me alimentava direito nem conseguia dormir, passava as noites em claro. Estava prestes a completar 25 anos de casada, faltavam apenas alguns dias; foi quando descobri que meu marido me traía. 

Quase o peguei em flagrante. Foi a maior tristeza da minha vida, a maior decepção, fiquei arrasada, triste, infeliz, magoada, ferida até a alma. O mundo parecia ter acabado para mim, eu até achava que Deus tinha me abandonado, pois sempre fui uma pessoa religiosa.

Meu marido tinha sofrido um derrame, quase morreu; com a graça de Deus, ele se recuperou rápido. Quando saiu do hospital, não andava, fazia até xixi na cama. Eu cuidava dele como se ele fosse uma criança, nem sentava na cama direito, cuidei dele com carinho.

Teve uma recuperação rápida, impressionante, graças a Deus e ao meu esforço. Mas, assim que voltou a andar, começou a dar umas fugidas. Fiquei desconfiada, comecei a vigiar, aí aconteceu o que eu temia: estava acontecendo a traição.

Eu não me conformava que tudo isso estivesse bem embaixo do meu nariz. Todo mundo sabia. Fiquei revoltada com tudo e com todos. Aí foi quando eu ganhei esse presente divino mandado por Deus. Comecei a ler os depoimentos das pessoas, entre os quais havia um caso parecido com o meu e me interessei.

Mesmo sem muita fé, comecei a rezar o Terço da Libertação e, para minha surpresa, comecei a ficar mais calma, serena, tranqüila; tinha feito meu marido de prisioneiro, não o deixava sair sozinho nem atender o telefone. Nesse dia pedi que ele levasse nossa netinha à escola; assim que saiu, entrei em pânico, fiquei desesperada.

Fui para meu quarto, olhei uma imagem de Jesus e da Virgem Maria, comecei a pedir, olhando para a imagem de Jesus, que não o deixasse mais cometer adultério. A luz de meu quarto estava acesa, de repente a luz se apagou: não me assustei, olhei para a porta, pensando que fosse meu marido que tinha esquecido algo, mas não era ninguém.

Então voltei a Jesus e continuei a clamar, a implorar chorando feito uma criança; para minha surpresa, a luz se acendeu sozinha. Foi então que percebi que Jesus me ouvia, Ele estava me dando um sinal de que me ouvia e ia atender meu pedido, que coisa maravilhosa! Não posso descrever a emoção que me invadia naquele momento.

Que coisa maravilhosa! Que coisa divina! Eu nunca tinha conversado com Jesus; é muito bom, é lindo, é divino, porque só Jesus salva, só Ele cura, só Ele liberta. Mais uma coisa eu digo: meu marido está uma pessoa maravilhosa, não sai sem me avisar para aonde vai, está carinhoso, amoroso, outra pessoa, graças a Deus! Graças a este maravilhoso livro que é o Terço da Libertação.

Graças à Luciana, que me deu esse presente.
Depois dessas graças, já recebi mais várias graças, porque, sempre que preciso de ajuda, peço a Jesus, pois só Ele cura, salva e liberta. Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo."
(***/Guarulhos)

_________________________________________________________________________

"Queridos irmãos em Cristo, venho dar graças e louvores a Jesus Cristo e agradecer pelas graças alcançadas com a oração do Terço da Libertação. Eu tinha um problema na próstata; fui fazer os exames e o médico detectou que estava com tumor na próstata. 

Foi um desespero para a família e para mim. Minha filha perguntou ao médico se dava para operar e ele disse que não, porque eu estava com a idade muito avançada, mas ele receitou três injeções; minha filha foi procurar e encontrou, mas chegou muito triste, porque cada uma custava mil reais.

A família entrou em pânico, porque não tinha condições. Comecei a pedir ajuda a Jesus; no dia seguinte, minha esposa foi à casa da irmã dela e contou a situação; foi aí que descobri o Terço da Libertação. Minha cunhada mandou o livro e comecei a rezar com muita fé todos os dias, às seis horas da tarde.

Após um mês voltei ao médico, porque o remédio tinha acabado, e ele me deu uma boa notícia: tinha conseguido o encaminhamento para pegar a injeção pelo SUS.

Minha filha pegou uma, eu tomei, e depois de um mês fiz o exame e tomei outra; a primeira tinha diminuído, a segunda ainda mais e a terceira tinha eliminado o tumor, e o médico disse que eu tinha que voltar só após um ano para fazer novos exames (antes era de seis em seis meses).

Agora quero agradecer a Deus por essa graça alcançada na minha vida, porque tudo que nós pedimos com fé alcançaremos. Desde esse dia faço a oração do Terço da Libertação todos os dias, agradecendo a Jesus pela cura que me deu. Louvado seja Deus por essas graças e bênçãos que tem feito a Seus filhos."
(Raimundo/Lábrea)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para cumprir uma promessa que fiz a Jesus. Alcancei através do Terço da Libertação uma grande graça, prometi divulgá-la, se fosse atendida. Não esperava que Jesus me atendesse tão rapidamente.

Como Jesus é misericordioso! Meu filho chegou até mim e disse que estava envolvido num trabalho de compra e venda de coisas e objetos clandestinos, correndo risco de vida; fiquei desesperada.

Para mim, minha vida estava perdendo o sentido. Pensei até em beber veneno! Pedi a Jesus e a Nossa Senhora que não me deixassem fazer isso e que Deus tivesse misericórdia de mim e de meu filho.

Meu sofrimento foi muito grande, mas em momento algum deixei transparecer meu sofrimento, para que meu filho não percebesse, mas, com muita fé em Jesus Cristo, pedi que Ele afastasse meu filho desse trabalho. Pedi a Deus que iluminasse a mente dele com a luz do Espírito Santo e que essa luz brilhasse no seu caminho.

Então lembrei-me da oração do Terço da Libertação, que havia algum tempo eu conhecia através de pessoas que vinham divulgando suas graças, dando seu testemunho de fé através do livro Terço da Libertação.

Uma noite, em silêncio em meu quarto, comecei a rezar o Terço da Libertação das vinte horas até as quatro horas da madrugada; não parei sequer um minuto de rezar, pois para mim a noite se passou em um minuto. Tenho certeza de que foi Jesus que atendeu o meu pedido e libertou meu filho desse caminho.

Hoje ele é outra pessoa: cumpre com seu trabalho honesto e digno, com a glória de Jesus. Eu chorei, de tanta emoção e alegria. Enquanto eu existir, continuarei louvando e agradecendo a Deus pelas graças recebidas.
É por tudo isso que eu dou milhões de glórias ao meu querido Pai, Jesus Cristo.

Nunca vou me esquecer dessa grande graça que recebi. Todas as vezes que precisamos, nós contamos com Jesus, porque para Ele nada é impossível. Louvado seja Jesus Cristo. Obrigada, Senhor Jesus, Tu és maravilhoso, perfeito e misericordioso."
(Florinda/Espírito Santo)

_________________________________________________________________________

"É com grande alegria que venho dar meu testemunho de grandes graças que recebi em minha vida pelo maravilhoso Terço da Libertação, depois de começar a orar o terço. Fui casada, tenho uma filha de um ano e meio, que é uma graça de Deus. Durante o tempo de casada, vivi um verdadeiro inferno em minha vida.

Fui pisada, humilhada e tudo o que se pode imaginar que uma pessoa possa fazer para te deixar triste.
Meu marido pisava em mim como se fosse um lixo, a mãe dele o apoiava de todos os lados. Na minha frente me defendia, depois pisava.

Tenho minha mãe enferma com câncer, e eles nunca me apoiaram: queriam me proibir de vê-la, mas continuei em pé e não deixei me derrubarem; chorei tanto que nem sei como agüentei.

Por fim, meu marido se juntou a más companhias e se largou na farra, deixando-me em casa, até que um dia cansei, abandonei minha casa e fui morar com meus pais até conseguir uma casa para mim.

Orei o terço sem cessar, para que ele se arrependesse e voltasse diferente, para criarmos nossa filha como uma família. Ficamos três meses separados, depois ele voltou. Hoje não é a mesma pessoa: trata-me bem e leva-me sempre junto aos lugares aonde vai. A mãe dele me pediu perdão.

Consegui um trabalho em quinze dias, quando estava orando o terço. Paguei todas as minhas contas, consegui uma casa ótima, minha mãe voltou a se sentar, embora ainda não esteja bem, mas graças ao Sangue de Jesus tudo o que pedi orando o Terço da Libertação consegui.

E você, que acha que o seu problema não tem solução, não fique triste, apenas ore o terço com toda a sua força, mesmo que às vezes sem fé, como eu às vezes me peguei. Mas não desista desse terço, é milagroso e te dará a vitória.

Prometi distribuir 23 livros Terço da Libertação, a mesma idade de vida do meu marido, e cinco terços por conseguir o meu trabalho. Já distribuí seis pela vitória de ter minha família unida novamente e três pelo meu trabalho. Obrigada, Jesus, pelo Teu Sangue, que tem poder e traz a solução dos nossos problemas."
(Daiana/***)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo esta carta para relatar o ocorrido com uma pessoa da minha família, e assim dar o meu testemunho da força do Terço da Libertação.

Meu primo, um homem forte e saudável, teve dor em um dente, o qual foi extraído, e com isso pegou um vírus raríssimo que em poucas semanas o colocou no hospital, numa tal forma vegetativa de vida que começaram a cair pedaços do seu rosto, das suas costas e pernas. Sem esperança nenhuma, os médicos disseram para a família se preparar para o pior.

Minha mãe me ligou e disse que não tinha mais o que fazer. Lembro-me bem de que eu falei para ela: ´Vamos fazer o Terço da Libertação por ele, pois para Deus nada é impossível´.

Eu e minha família começamos a rezar o Terço da Libertação, pedindo por ele e, milagrosamente, após três meses de intenso sofrimento, começou a se recuperar; depois de sete meses do início desse sofrimento, está totalmente recuperado, está até dirigindo.

Os médicos chamaram a família e disseram que realmente foi um milagre; a médica responsável falou a ele que a recuperação dele valeu para toda a vida o diploma dela, o que a faz voltar a reforçar sua fé.
Esta foi a graça tão maravilhosa que nos mostra a força da fé.

Agradeço a Jesus por Ele ter nos escutado e atendido. Abra seu coração a Jesus. Jesus é nosso Amigo e opera grandes milagres em nossa vida."
(Maristela/Brusque)

_________________________________________________________________________

"Estou escrevendo para contar sobre a graça que recebi através do Terço da Libertação. Minha filha Lara nasceu com uma doença muito rara, Síndrome de Tar, que é a ausência do rádio + trombocitose. Por causa dessa doença, minha filha tinha que fazer transfusão de sangue duas vezes por mês, pois sua hemoglobina e plaquetas eram muito baixas.

Mas a minha filha não tinha o osso maior do braço, dificultando encontrar veias para a hemotransfusão, fazendo-a sofrer muito, pois tentavam mais de quinze vezes, e não achavam veia; então tiveram que dissecar algumas veias e, numa dessas tentativas, minha filha teve uma parada respiratória e foi para o CTI. Não gosto de lembrar o quanto sofreu.

Os médicos disseram que ela tinha pouquíssimas chances de vida e que, se ela sobrevivesse, tinha que continuar com as transfusões talvez até a fase adulta. Em muitos casos as crianças, quando completam um ano, diminuem as transfusões.

Bom, nessas minhas idas ao hospital e voltas dele, uma senhora, vendo meu sofrimento, mostrou-me o livro Terço da Libertação, e então comecei a rezar o terço pedindo a Jesus pela cura da minha filha. Fazia quase quatro meses que minha filha, de apenas seis meses, não precisava de transfusões; a cura veio bem antes do esperado, e a médica ficou surpresa com a melhora da minha filha.

Agradeço do fundo da minha alma a Jesus e a Nossa Senhora Aparecida por essa grandiosa graça que recebi. Que Jesus seja louvado!"
(***/Olhos d´Água)

_________________________________________________________________________

"Tenho a mais absoluta certeza de que o acontecimento de maior importância para a minha vida foi quando minha mãe me deu de presente um livrinho chamado Terço da Libertação.

Lembro-me como se fosse hoje de suas palavras: ´Leia isso, minha filha, e veja os depoimentos que se encontram dentro desse livrinho, e perceberá a mudança que ele vai fazer para sua vida´. Como sempre, minha mãe vivia me dando mensagens, orações e palavras de força; então achei que era mais uma e não dei importância imediata.

Chegando em casa depois do almoço, comecei a ler e fui sentindo uma vontade imensa de fazer diariamente aquele terço; à medida que fui rezando, fui percebendo uma transformação positiva em meu ser e percebi o quanto precisava de algo que me tocasse, me desse confiança, motivação e principalmente despertasse a minha fé, que ainda não se tinha manifestado até aquele momento divino.

Eu sempre achei que bastava não fazer mal aos nossos semelhantes para sermos felizes. Percebi como estava enganada: foi com a descoberta do Terço da Libertação que aprendi que a felicidade maior é conversar com Deus desta forma: orando, rezando, agradecendo, pedindo e divulgando seus ensinamentos, principalmente àquelas pessoas que não conhecem a verdadeira felicidade.

Passei dois anos desempregada, estudando para concurso, e nunca conseguia aprovação; estudava, fazia cursinho e já estava ficando desestimulada por não conseguir resultados satisfatórios.

Foi quando me estipulei um prazo; se não conseguisse, iria desistir, até porque as pessoas já comentavam, as cobranças existiam e eu comecei a ter vergonha de mim mesma; tinha complexo de inferioridade e receio das conseqüências no ambiente familiar.

Só depois que tive fé e pratiquei esse bendito terço as coisas começaram a transformar meu viver. Enfim, fui atendida naquela imensa fila: um dia chegou a minha vez, fui aprovada em um concurso e passei em primeiro lugar.

Ah, como foi bom, que emoção! Como Deus me ajudou! Não consigo nem descrever o que senti! Como forma de agradecimento, dei de presente cinco livrinhos, juntamente com os terços, e passei a outras pessoas para que conheçam e sintam esse milagre que recebi. Tenham muita fé, como eu tive, no Terço da Libertação.

Quero dizer a todos que não basta rezar; temos que acreditar, ter fé e rezar diariamente. ´Nós nunca perdemos tempo conversando com Deus.´"
(Rita/Belém)

_________________________________________________________________________

"Minha filha tinha um namorado que era muito agressivo, estúpido, bebia muito, chegava a bater nela. Quando acabou o namoro, ela adoeceu, entrou em depressão, precisando de um tratamento com uma psicóloga.

Eu sempre rezava o Terço da Libertação, para Jesus ajudar minha filha a sair daquela situação, procurar viver, trabalhar, ser feliz. E Jesus me ouviu. Apareceu uma oportunidade de viagem para ela, a qual ela procurou e organizou para ir trabalhar e estudar fora do país.

Fazendo um mês que estava lá, já tinha abandonado todos os remédios que tomava para depressão. E está muito bem, trabalha e estuda. Hoje eu sou uma pessoa feliz porque minha filha foi liberta.

Estou dando este testemunho hoje porque é aniversário dela, e Jesus lhe deu este presente: a cura, a salvação e a libertação."
(Sandra/Recife)

_________________________________________________________________________

"Eu já tive barraca em praia, montei uma fábrica de velas e um mercadinho, mas nenhum desses trabalhos foi para a frente, todos os meus planos foram sendo frustrados e acabei perdendo um bom dinheiro.

Depois da morte de meu pai, conheci minha esposa (Joseane) e com ela compartilhava a minha vontade de ter o meu próprio negócio. Um dia resolvi que iria abrir uma gráfica, pois já gostava de mexer com artes gráficas; procurei uma cidade no interior da Bahia (Ibotirama) e vi que ali havia um espaço para me instalar.

Foi justamente nesse momento que Joseane me aparece com o Terço da Libertação; lemos alguns testemunhos que havia no livro, confiamos e começamos a orar o Terço da Libertação. Através do Terço da Libertação, entreguei a Deus meu destino, pois não tinha como continuar arriscando mais.

As minhas orações eram diárias e, após um ano, as bênçãos começaram a cair sobre mim: processos jurídicos que andavam emperrados foram solucionados. A esquina onde pretendia construir a gráfica caiu na minha mão como milagre.

Hoje já me sinto estabilizado, já tenho outros negócios e agradeço todos os dias pela graça que Deus me concedeu, através do Terço da Libertação."
(***/e-mail)

_________________________________________________________________________

"Eu louvo a Jesus pela graça alcançada; levei meu filho até a primeira comunhão, mas depois ele caiu nas drogas, bebia, não trabalhava enfim; trocava as roupas do corpo, tirava as coisas de dentro de casa. Eu rezava três terços todos os dias e o Terço da Libertação.

Meu marido dizia que ele não tinha conserto. Eu ficava triste e pensava que, se Deus quisesse, um dia eu alcançaria a graça e prometi publicar a graça no livro Terço da Libertação. Ele foi liberto faz mais ou menos um ano; hoje trabalha por conta própria, vai à missa todos os domingos e só ouve rádio católica.

Agradeço muito a Jesus e falo a todo mundo que tem problema: ´Não importa o tamanho, é só acreditar, porque Jesus está vivo mesmo´."
(Maria José/Divinópolis)

_________________________________________________________________________

"Recebi a graça da cura do meu irmão, viciado em crack. Quando soube que meu irmão era dependente da droga, foi uma grande tristeza, mas entreguei-o para Jesus e prometi que escreveria dando o meu testemunho.

Conheci o Terço da Libertação através da minha sogra e há três anos rezo o Terço da Libertação todos os dias. Não tenho mais palavras, só agradeço a Jesus, pois só Ele pode libertar uma pessoa viciada; quero louvar e exaltar o nome de Jesus, nosso Salvador, libertação e cura do meu irmão."
(***/Campinas)

_________________________________________________________________________

"Nunca imaginei um dia poder estudar em um cursinho particular e me formar na Universidade Federal do Paraná. Sou de família pobre e por esse motivo não recebia incentivo para os estudos. Para eles, a realização do meu sonho, de me formar pela UFPR, estava fora de alcance. 

Sempre gostei de estudar, e para mim seria uma tristeza grande não poder dar continuidade aos estudos. Na época, conheci o Terço da Libertação. Passei a rezá-lo todos os dias. Naquele ano eu estava trabalhando como menor auxiliar.

Poupava tudo o que era possível, para poder investir em minha educação. Estudei minha vida inteira em colégio estadual e não possuía o preparo necessário para passar no vestibular. Mesmo fazendo economias, meu dinheiro não era o suficiente para pagar as mensalidades do cursinho, o transporte e a alimentação.

Numa tarde, depois do trabalho, fui até o melhor cursinho da cidade para pedir uma bolsa de estudos. Enquanto esperava para ser atendida, rezava o Terço da Libertação. Quando pedi a bolsa de estudos à pedagoga, ela de imediato falou que não seria possível, pois não havia mais bolsas de estudo disponíveis.

Nesse momento meus olhos encheram-se de lágrimas e a pedagoga pediu que eu continuasse contando sobre minha vida. Ao final da entrevista, ela me concedeu uma bolsa de 30%. Fiz as contas e, mesmo com esse desconto, não seria possível pagar todas as mensalidades.

Mesmo não possuindo o dinheiro, acordei cedo no outro dia e fui fazer minha matrícula. Para minha surpresa, quando estava assinando os papéis, a pedagoga estava com o processo de minha ficha para conceder no lugar da bolsa de 30% uma de 50%. Com esse desconto consegui honrar todas as mensalidades.

Além disso, conquistei uma vaga no curso de administração na UFPR. Passei em vigésimo sexto lugar. Prestei num vestibular de quase 29 concorrentes por vaga. Hoje sou formada. O Terço da Libertação propiciou essa linda graça em minha vida."
(Danielle/Curitiba)

_________________________________________________________________________

"Queridos Maïsa e Regis Castro. Quero registrar meu testemunho a respeito do Terço da Libertação.
Minha vida de casado de 22 anos foi marcada por vários conflitos. Tivemos de nos separar, foi uma separação traumática. Eu estava com depressão, doente psicologicamente.

Após a separação minha depressão se agravou. Decidi que a solução para o meu problema seria a morte. Minha família entrou em choque, minha esposa passou a me odiar, nos odiávamos muito. Minha filha de 20 anos também passou a me odiar e disse que jamais me perdoaria.

Um amigo me ofereceu o Terço da Libertação. Passei a rezar todos os dias e, sem que eu soubesse, minha esposa também estava rezando o Terço da Libertação. Foi um tempo de muita luta. À medida que ia rezando o Senhor ia dando sentido à minha vida.

O Senhor colocou em meu coração que a verdadeira felicidade está em fazer a vontade de Deus e o que eu mais desejava era fazer a vontade dEle. Aos poucos o ódio, a revolta, a vontade de morrer, a depressão foi se desfazendo e o que mais importava era ser totalmente de Deus.

Dias após a festa da Divina Misericórdia, contrariando as expectativas de toda a família, inclusive a nossa, pois ninguém acreditava em nossa reconciliação, o Senhor nos surpreendeu. Sem que tivéssemos planejado nos encontramos e marcamos um conversa e, após seis horas, nos reconciliamos.

Minha filha se fechou mais ainda, até brigou com minha esposa por não aceitar nossa reconciliação.
Tivemos paciência e continuamos a rezar o Terço da Libertação todos os dias, minha esposa e eu rezávamos juntos uma vez por semana.

Passado alguns dias houve a reconciliação de pai e filha e o Senhor concedeu uma graça especial para minha filha; curou-a de bronquite asmática que a acompanhava havia 20 anos. As graças que o Senhor nos concedeu foram tão fortes que nos mandou evangelizar, através do Terço da Libertação, no bairro onde moramos.

Fomos ao nosso Pároco, Cônego Luciano, narramos a ele o que nos aconteceu e pedimos autorização para rezarmos o Terço da Libertação nas casas. Ele fez melhor. Celebrou uma missa de envio no mês de outubro (mês das missões) nos enviando em nome da Igreja como missionários.

Somos, com muita honra, missionários do Terço da Libertação. Rezamos todos os sábados às 17:00h e já rezamos em 17 casas. Criamos um roteiro para evangelização: levamos a Imagem da Sagrada Família que fica uma semana naquela casa, abrimos o encontro invocando o Espírito Santo, meditamos a Palavra de Deus e, em seguida, o Terço da Libertação.

O Senhor tem feito maravilhas. Agradecemos a Jesus por todas as graças que tem nos concedido. Nós moramos em um conjunto residencial para famílias de baixa renda. Temos o desejo de organizar um retiro de cura e libertação para divulgarmos esta maravilhosa oração. Que Deus abençoe a todos."
(***/Caçapava)

_________________________________________________________________________

"Quero testemunhar uma grande graça recebida através da oração do Terço da Libertação. Minha nora, Eliane, estava grávida de três meses quando começou a ter hemorragias; a cada vez passava dias na maternidade, e voltava para casa do mesmo jeito.

Todos estávamos preocupados, pois ela já tinha perdido um bebê. Chorava muito, sem parar; não queria perder o outro. Quando pela terceira vez foi para a maternidade com hemorragia, os médicos resolveram fazer curetagem. Ela, todo o tempo chorando, pedia para não fazerem.

Levaram-na para a sala de cirurgia. Foi quando meu filho chegou na minha casa e disse que ela ia fazer a curetagem, pois os médicos haviam dito que ela só tinha um por cento de chance. Dificilmente iria conseguir ter o bebê. Quando meu filho falou isso para mim, eu disse: ´Com os poderes de Deus, ela não vai perder o filho dela´.

Com muita fé, rezei seis Terços da Libertação pedindo a Jesus que não deixasse os médicos fazerem nada com ela. Prometi a Jesus que, se ela tivesse o bebê perfeito e no tempo certo, eu mandaria o meu testemunho para o livro Terço da Libertação.

Nasceu uma linda menina, para honra e glória do Senhor Jesus. Ficamos muito alegres. Eu rezo o Terço da Libertação há dez anos. Minha filha me deu um livrinho e tudo melhorou em nossa casa."
(Raimunda/e-mail)

_________________________________________________________________________

"Escrevo para agradecer a Deus pela graça recebida através do Terço da Libertação.
Havia mais de dez anos que eu estava sempre doente e não conseguia trabalhar.

Fui ao médico fazer uma colonscopia e ele constatou, em meu exame, que eu estava com uma doença crônica e só uma cirurgia muito delicada em meu intestino me salvaria. Pedi a Jesus que me curasse e senti a graça sendo alcançada.

Disse a meus amigos e familiares que estava curada, não sentia mais dores e meu inchaço na barriga havia sumido. Então resolvi refazer os exames e o médico perguntou o que eu havia feito, que estava curada. Só havia sinais da doença.

Então respondi: ´O Senhor me curou, Jesus Cristo fez este milagre em meu corpo. Eu tinha certeza de que estava curada, só precisava da confirmação, que era o novo exame.´
Graças a Deus. Acreditem meus irmãos, pois Jesus nos cura mesmo. Amém."
(Elzira/Claudia)

_________________________________________________________________________

"Venho através desta, com muito amor e confiança em Deus, prestar meu depoimento pela milagrosa graça alcançada com a recitação do Terço da Libertação. Para demonstrar o quanto Deus foi bom e misericordioso comigo, vou em breve relato contar minha história.

Fui acometida por dores muito fortes na região abdominal. Fui ao hospital, onde foi constatado um câncer no intestino. Três dias depois fui submetida a uma cirurgia, na qual foi retirada uma parte do meu intestino.

Com a graça do bom Deus, a cirurgia foi um sucesso, porém tive ainda que enfrentar sete meses de quimioterapia. O tratamento foi muito difícil, mas, com confiança em Deus e com Sua proteção, superei tudo.

Após essa dura etapa tive que fazer exames, e nestes foi constatado que havia emergido um nódulo no fígado: a notícia, para mim e minha família, foi um choque; ficamos todos muito abalados com a notícia. Ainda mais pelo grau de certeza do médico que, com urgência, marcou nova cirurgia  para tentar retirar o tumor.

Todos os esforços foram em vão, pois ao abrir meu abdômen e examinar o fígado, foi constatada a existência de vários pontos cuja localização tornava inviável sua retirada. Porém, por questões clínicas, uma pequena amostra foi retirada para biopsia.

Após a notícia do fracasso da cirurgia, ficamos todos desesperados. Foi então  que comecei a fazer a oração do Terço da Libertação, pedindo que sua recitação conseguisse alcançar de Deus a graça da minha cura.

Alguns dias após, voltei ao médico para começar o tratamento da quimioterapia, porém o médico estava atônito com a notícia de que não havia nada. Fiquei em choque, num misto de felicidade e agradecimento a Deus. Estava curada, não precisei fazer tratamento algum; o resultado da biopsia havia dado negativo.

É importante ressaltar, para demonstrar o quanto foi grande o milagre, que todos os médicos que viram os exames tinham certeza do câncer e não sabem explicar o que ocorreu: foi um verdadeiro milagre.

Este é meu depoimento, minha história, que graças ao bom Deus e ao Terço da Libertação teve um final maravilhoso, um final de glória. Agradeço a Deus, todos os dias, por essas graças alcançadas. Muito obrigada."
(Iraci/Bady Bassitt)

_________________________________________________________________________

"Jesus é o melhor médico que temos. Eu estava com duas hérnias de disco e com problemas no nervo ciático. Sofri durante uns oito meses. Um dia minha filha me disse: ´Mãe, trouxe este livro Terço da Libertação, que a Tânia mandou para você rezar´. Tânia é a sogra da minha filha.

Eu rezei quatro vezes pedindo a Jesus para me curar, mas não houve melhora. Um dia minha filha chegou à minha casa e me perguntou: ´Mãe, você está melhor?´ E eu respondi: ´Já rezei quatro vezes e cada vez a dor aumenta mais.´ Minha filha respondeu: ´Mãe, você está rezando sem fé´.

No dia seguinte peguei o livro, abri, li os testemunhos e comecei a chorar. Com o livro Terço da Libertação na mão, comecei a rezar, chorando e pedindo a Jesus que tivesse piedade de mim. Enquanto rezava, eu chorava tanto que parecia que estava levando uma surra.

Então Jesus teve piedade de mim e me curou. Gente, meus irmãos: eu tinha marcado a cirurgia e faltavam quatro dias para ir para o hospital me operar, quando Jesus me curou. Que maravilha, minhas amigas! Jesus é maravilhoso, minhas irmãs! Por isso eu agradeço ao meu amado Jesus.

Jesus, obrigada! Jesus é meu Rei, meu Médico e é o Médico de todos os médicos!"
(Adelir/Araranguá)

_________________________________________________________________________

"É com muita alegria que venho dar meu testemunho das graças alcançadas com o Terço da Libertação. Conheci o terço através de minha tia em um momento muito, muito difícil mesmo. Estava totalmente endividada.

Eram ligações de cobradores, os juros faziam as contas aumentarem cada dia mais, não tínhamos mais com quem pegar emprestado, estávamos desesperados e com isso meu casamento estava abalado, até minha filhinha estava agitada, triste com essa situação.

Tudo aqui era uma agonia. Nem nosso apartamento conseguíamos mais pagar, o nosso nome ficou sujo. Eu estava com depressão, tinha saído da faculdade, não conseguia emagrecer nada dos 40kg engordados na gestação.

Comecei a rezar o Terço da Libertação e Jesus reestruturou a minha vida e, para honra e glória do Senhor, venho agradecer. No primeiro dia em que comecei a rezar, senti Jesus me tocar e confiei que toda aquela situação seria revertida.

Hoje não temos conta nenhuma em atraso, minha família é uma bênção e já consegui emagrecer bastante; fui e continuo sendo liberta de traumas e medos todos os dias. Tudo posso naquele que me fortalece. A felicidade e a paz de Jesus pairam sobre a minha família e a gratidão é sem fim.

Creiam, só Jesus tem piedade, só Jesus cura, só Jesus salva e só Jesus liberta."
(***/Blumenau)

_________________________________________________________________________

"Tenho a felicidade, através desta carta, de partilhar todas as maravilhas que Deus operou em minha vida.

Eu era um alcoólatra, vivia atormentado pela bebida, que era meu refúgio, não podia faltar; sentia necessidade de beber, mas no fundo de minha alma sentia que não era aquele o caminho para a solução dos meus problemas.  Um dia, tocado pelas mãos divinas (eu acreditava muito em Deus) ganhei um livro Terço da Libertação.

Quando abri o livro acreditei que podia ser liberto do vício do álcool. Hoje já faz seis anos que deixei o álcool, não tenho vontade nenhuma de voltar a beber e sou muito feliz por isso. Há pouco tempo tive umas manchas vermelhas no meu corpo: coçavam e soltavam umas bolhas, formando feridas.

Tomei vários medicamentos, já estava desesperado, consultei vários médicos e depois foi constatado que eram efeito dos antibióticos. Fiz a oração do Terço da Libertação e graças a Deus fui liberto. As manchas sumiram.
Agradeço por estes milagres e tantos outros que já recebi, que são muitos".
(Antonio/Tamarana)

_________________________________________________________________________

"É com grande alegria que venho apresentar meu testemunho.
Conheci o Terço da Libertação através de uma amiga. Estava passando por problemas difíceis de relacionamento e ela me aconselhou que orasse este terço.

Foi quando comecei a orar, pedindo por mim e por quem eu gostava. Não percebi, mas aos poucos eu estava sendo liberta. Primeiro me afastei completamente do Centro Espírita, abandonei os livros de doutrina e O Evangelho segundo o espiritismo.

Aceitei a Igreja Católica como única e verdadeira Igreja de Deus. Passei a freqüentar mais as missas, a participar de Encontros da Renovação Carismática e até entrei para o Grupo de Oração. Jesus realizou na minha vida uma grande mudança, uma grande cura espiritual.

Até hoje não reatei o namoro, mas se isso não aconteceu é porque talvez não seja a hora ou o momento escolhido por Jesus. Só Ele sabe os planos que tem para nós. Em junho desse ano saí do emprego e fiquei quatro meses sem trabalho.

Em outubro fui passar uns dias em Santos - SP, com minha mãe; lá orei dias seguidos o Terço da Libertação, pedindo a Jesus que desse uma definição na minha vida quanto ao trabalho, e acreditava que antes de iniciar o mês de novembro estaria empregada. Prometi dar meu testemunho.

Como Jesus é maravilhoso! Fui chamada para um escritório de advocacia em Belém, voltei para minha cidade. Acreditem, não demorou a chegar meu primeiro dia de trabalho. Aconselho a todos que passam por dificuldades, aflições e angústias a orar este terço milagroso.

Todos devemos ter mais que certeza de que só Jesus cura, salva e liberta. Espero poder ajudar muitas pessoas com este depoimento."
(***/Ananindeua)

_________________________________________________________________________

"Fumei por mais de trinta anos, consumindo-me, acabando com minha saúde. Certa noite, antes do último jogo da Copa, comecei a sentir muita falta de ar; passei realmente muito, mas muito mal mesmo.

Fiquei desesperada e olhava para minha filha caçulinha dormindo, e então pedi muito a Deus, a Jesus, que não me deixasse morrer, pois ela só tinha a mim, e fiz um propósito com Jesus: o de, a partir daquele momento, deixar definitivamente o maldito cigarro.

Eu só precisava da minha saúde, eu precisava estar viva, e Jesus me deu esta nova oportunidade através do Terço da Libertação, da minha fé neste milagroso terço. Rezei, rezei muito para que Jesus tirasse de mim aquele vício, e Ele o tirou.

Não foi preciso ir ao médico, não foi preciso tomar medicação nenhuma, não tive depressão, não fiquei com raiva do mundo pela falta do vício: simplesmente parei de fumar. Todos os dias agradeço a Jesus, ao Terço da Libertação e à pessoa que me deu este presente enviado por Deus."
(***/email)

_________________________________________________________________________

"É com grande alegria e gratidão que escrevo para dar meu testemunho de cura e libertação de meu marido. Tenho dois anos de casada e, de janeiro a maio deste ano, passei por uma grande dificuldade no meu casamento.

Eu e meu marido sempre nos entendemos muito bem, desde a época do namoro e noivado, mas neste ano as más companhias e a bebida fizeram com que ele se afastasse de mim e quisesse a separação, dizendo que não me amava mais.

Passei por um grande sofrimento. Todos estavam do meu lado me apoiando: minhas amigas, meu pai, minha mãe, a família dele, até os verdadeiros amigos dele; mas ele não ouvia ninguém; só queria sair, beber e gastar muito dinheiro; não tinha hora para chegar em casa, não me ligava avisando a que horas ia chegar, não atendia aos meus telefonemas.

Por muitas vezes pensei em aceitar o pedido de separação que ele me propôs, mas no fundo sabia que tudo isso ia mudar, vinha de dentro de mim uma força, uma esperança muito grande.

Certo dia peguei o livro Terço da Libertação, que havia ganho da mãe de uma grande amiga minha, e comecei a ler e a rezar com muita fé e na certeza de que Jesus estava me ouvindo.

Rezei primeiro por mim e depois pelo meu marido. Hoje minha vida está uma paz, meu casamento está restaurado, graças a Jesus e ao Terço da Libertação. Continuo rezando o terço por mim e pelo meu marido, diariamente.
Obrigada, Jesus, pelo Seu amor."
(***/Bauru)

_________________________________________________________________________

"Minha neta fez um exame de papanicolau e o médico constatou que ela tinha um pequeno câncer no útero. Foi marcada uma cirurgia de emergência e o médico iria tirar todo o útero dela, e ela tinha só 18 anos. Entramos em desespero.

Contando para minha amiga Zenilda, ela me disse: ´Não há de ser nada, vou te dar o livro Terço da Libertação e tudo vai dar certo´. Comecei a rezar o terço em nome de Jesus e de Nossa Senhora.

Por incrível que pareça, o mal foi sumindo tão rápido que os médicos suspenderam a cirurgia, porque o câncer tinha sumido. Já está fazendo um ano, mas sempre que posso rezo o Terço da Libertação.
Agradeço de coração a Jesus e Maria, ao Terço da Libertação e à minha amiga Zenilda."
(Maria/Gaivota)

_________________________________________________________________________

"Hoje escrevo esta carta com muita paz e alegria no coração, devido à graça alcançada de Jesus Cristo através do livro Terço da Libertação. Meu filho perdeu o pai quando criança e cresceu muito inconformado com essa situação.

Aos 19 anos casou-se e sua esposa já estava grávida. Viveram bem por alguns meses e, logo depois, começaram as brigas que se arrastaram por longos anos, por causa da bebida alcoólica e das drogas.

Ao longo desse tempo tiveram outra filha e as brigas aumentavam cada vez mais, a ponto de criar um imenso transtorno em toda minha família! Sua esposa se cansou e foi embora levando as duas filhas.

Ele veio morar comigo e passou a beber e a usar drogas cada vez mais! Até que um dia ganhei do meu filho mais novo o livro Terço da Libertação e comecei a rezar todos os dias,  durante seis meses; e graças a Jesus Cristo, meu filho se libertou da bebida e das drogas! Voltou para sua família e estão vivendo muito felizes.

Agradeço a Jesus Cristo por esta grande vitória e por ter libertado meu filho querido.
Graças a Deus!"
(***/Belo Horizonte)

_________________________________________________________________________

"Quero que todos saibam o que Jesus fez por mim!
Comecei com uma forte ansiedade, até chegar ao desespero. Estava desempregada e com a cabeça vazia, só pensava besteiras, pensamentos negativos.

Um dia me deu um pânico muito grande. Sentia medo de tudo, fiquei com tanto medo que comecei a sair da realidade. Conversava com as pessoas e parecia que eu não estava ali, achei que fosse enlouquecer. A única coisa que fazia era rezar, mas no início não sentia melhora, estava fora de mim.

Conversei com uma serva do grupo de oração, perguntei se ela achava que eu deveria ir ao médico e ela me aconselhou esperar, dizendo que meu espírito estava fraco e que se persistisse na oração eu melhoraria. Comecei a rezar o Terço da Libertação. Foi a melhor coisa que já fiz na minha vida.

Nos primeiros dias senti uma pequena melhora, mas ainda estava com medo; não desisti, fui orando todos os dias e hoje sinto uma melhora a cada dia. Não só nesses sintomas, mas em toda minha vida, como pessoa.

Agradeço a Deus Pai, a Jesus, à nossa Mãe Maria e ao meu anjo da guarda por minha cura; sei que ainda preciso melhorar muito e sei que Eles estarão sempre comigo, dando-me forças para nunca desistir.
Não desistam nunca, pois nunca estaremos sozinhos. Obrigada Jesus, mil vezes obrigada!"
(Juliana/Campinas)

_________________________________________________________________________

"Minha filha teve nenê. Foi tudo muito bem, uma cesárea perfeita; mas duas horas após o parto ela entrou em coma. Um êmbolo de gordura entrou na corrente sanguínea e se alojou no pulmão. Minha filha ficou à beira da morte. Moramos a 80km do centro maior e tivemos que transportá-la para Dourados.

Foi uma viagem em que tudo aconteceu para ela vir a óbito, mas Deus foi tão grande, tão Pai, que não permitiu que isso acontecesse. A ambulância quebrou, o oxigênio acabou, a médica que a acompanhava teve que fazer respiração boca a boca por mais de 40km, pois o tubo de oxigênio secou.

Chegando ao hospital, a ambulância pegou fogo: foi um desespero geral. A junta médica que a atendeu disse para mim: ´Mamãe, o que nós tínhamos a fazer já fizemos; você trouxe sua filha morta, milagre nós não fazemos.

Agora você converse com o cara lá de cima: se Ele quiser, só Ele poderá ajudar agora.´ Isso foi o que o médico disse. Entrei em desespero e corri para a capela do hospital; peguei o terço da mão de Santa Rita de Cássia e comecei a rezar.

Eu chorava e rezava e sentia uma fé tão grande e pedia, na força do meu desespero; foram oito dias de agonia: minha filha saiu do coma. Um dos médicos me disse: ´Olhe, mãe, se ela escapar você fique consciente de que ela vai ficar com seqüela: cega, ou surda, ou sem movimentos, alguma seqüela vai ficar, pois já vai ser um milagre se ela escapar.´

Mas, como Deus é Pai, Ele não nos despreza e ouviu as minhas preces e as de todo o povo de minha cidade, pois foi uma corrente de oração geral. Minha filha está bem, criando seus dois filhos, ela é professora, trabalha e, graças a Deus, perfeita, sem nenhuma seqüela.

O que mais eu posso pedir a Deus, se não agradecer essa tão grande graça? Minha filha está bem, criando seus filhos Raphael e Gabriel, crianças bonitas e sadias, graças a Deus.

Só tenho que agradecer ao sagrado Terço da Libertação, a Deus, a Santa Terezinha, a Santa Rita de Cássia que me emprestou o seu terço na capela do hospital. Só tenho que agradecer ao povo de minha cidade que, independente do credo, orava e pedia a Deus por ela. Obrigada à Dr.ª Helia e ao Dr. Eduardo.

Obrigada, Senhor, obrigada, Senhor. Obrigada, Santa Terezinha. Obrigada, sagrado Terço da Libertação.
Obrigada, Pai. Obrigada por tudo. Continuai nos dando paz, amor e saúde e fazei-nos ser conscientes de que sem Vós não somos nada.

Abençoai os meus filhos e netos, minha nora e meu genro. Obrigada, Deus, obrigada."
(Marilene/Glória de Dourados)

_________________________________________________________________________

"É com imensa alegria que estou escrevendo para dar meu testemunho, pois recebi uma grande graça. Engravidei do meu namorado aos 23 anos, mas eu não aceitei, pois não queria deixar de lado minhas diversões e sabia que um filho iria mudar minha vida.

 Tomei tantos remédios para abortar que perdi até as contas. E não consegui, completei quatro meses de gestação e não desisti; resolvi então tomar um abortivo, mas não veio nem sinal de aborto. O jeito então era eu ter essa criança. 

Com cinco meses senti minha filha se mexer e fiquei muito feliz, pois então entendi que ali existia uma vida. Contei para minha mãe, e ela me deu o livro Terço da Libertação. Quando comecei a ler, comecei também a me encher de esperança.

Rezei até os nove meses, pedindo que minha filha nascesse saudável. Minha filha nasceu perfeita, não lhe faltava nenhuma unha sequer. Logo pensei: ´Deus me ouviu!´ Hoje e sempre vou louvar a Deus. Só Ele para me fazer um milagre desses.

Hoje minha filha tem dois anos, é muito saudável. Estou casada com o pai dela e muito feliz. Amo minha filha.
Obrigada, Senhor!"
(***/Manacapuru)

_________________________________________________________________________

"É com grande alegria que venho dar meu testemunho de grandes graças que recebi em minha vida pelo maravilhoso Terço da Libertação, depois de começar a orar o terço.

Fui casada, tenho uma filha de um ano e meio, que é uma graça de Deus. Durante o tempo de casada, vivi um verdadeiro inferno em minha vida. Fui pisada, humilhada e tudo o que se pode imaginar que uma pessoa possa fazer para te deixar triste.

Meu marido pisava em mim como se fosse um lixo, a mãe dele o apoiava de todos os lados. Na minha frente me defendia, depois pisava. Tenho minha mãe enferma com câncer, e eles nunca me apoiaram: queriam me proibir de vê-la, mas continuei em pé e não deixei me derrubarem; chorei tanto que nem sei como agüentei.

Por fim, meu marido se juntou a más companhias e se largou na farra, deixando-me em casa, até que um dia cansei, abandonei minha casa e fui morar com meus pais até conseguir uma casa para mim. Orei o terço sem cessar, para que ele se arrependesse e voltasse diferente, para criarmos nossa filha como uma família.

Ficamos três meses separados, depois ele voltou. Hoje não é a mesma pessoa: trata-me bem e leva-me sempre junto aos lugares aonde vai. A mãe dele me pediu perdão. Consegui um trabalho em quinze dias, quando estava orando o terço.

Paguei todas as minhas contas, consegui uma casa ótima, minha mãe voltou a se sentar, embora ainda não esteja bem, mas graças ao Sangue de Jesus tudo o que pedi orando o Terço da Libertação consegui.E você, que acha que o seu problema não tem solução, não fique triste, apenas ore o terço com toda a sua força, mesmo que às vezes sem fé, como eu às vezes me peguei.

Mas não desista desse terço, é milagroso e te dará a vitória.Prometi distribuir 23 livros Terço da Libertação, a mesma idade de vida do meu marido, e cinco terços por conseguir o meu trabalho. Já distribuí seis pela vitória de ter minha família unida novamente e três pelo meu trabalho.

Obrigada, Jesus, pelo Teu Sangue, que tem poder e traz a solução dos nossos problemas."
(Daiana/***)

____________________________________________________________

"Estou escrevendo esta carta para relatar o ocorrido com uma pessoa da minha família, e assim dar o meu testemunho da força do Terço da Libertação.

Meu primo, um homem forte e saudável, teve dor em um dente, o qual foi extraído, e com isso pegou um vírus raríssimo que em poucas semanas o colocou no hospital, numa tal forma vegetativa de vida que começaram a cair pedaços do seu rosto, das suas costas e pernas.

Sem esperança nenhuma, os médicos disseram para a família se preparar para o pior. Minha mãe me ligou e disse que não tinha mais o que fazer. Lembro-me bem de que eu falei para ela: ´Vamos fazer o Terço da Libertação por ele, pois para Deus nada é im­possível´.

Eu e minha família começamos a rezar o Terço da Libertação, pedindo por ele e, milagrosamente, após três meses de intenso sofrimento, começou a se recuperar; depois de sete meses do início desse sofrimento, está totalmente recuperado, está até dirigindo.

Os médicos chamaram a família e disseram que realmente foi um milagre; a médica responsável falou a ele que a recuperação dele valeu para toda a vida o diploma dela, o que a faz voltar a reforçar sua fé.Esta foi a graça tão maravilhosa que nos mostra a força da fé.

Agradeço a Jesus por Ele ter nos escutado e atendido. Abra seu coração a Jesus. Jesus é nosso Amigo e opera grandes milagres em nossa vida."
(Maristela/Brusque)


____________________________________________________________

"Estou escrevendo para contar sobre a graça que recebi através do Terço da Libertação. Minha filha Lara nasceu com uma doença muito rara, Síndrome de Tar, que é a ausência do rádio + trombocitose.

Por causa dessa doença, minha filha tinha que fazer transfusão de sangue duas vezes por mês, pois sua hemoglobina e plaquetas eram muito baixas.

Mas a minha filha não tinha o osso maior do braço, dificultando encontrar veias para a hemo­transfusão, fazendo-a sofrer muito, pois tentavam mais de quinze vezes, e não achavam veia; então tiveram que dissecar algumas veias e, numa dessas tentativas, minha filha teve uma parada respiratória e foi para o CTI.

Não gosto de lembrar o quanto sofreu. Os médicos disseram que ela tinha pou­quíssimas chances de vida e que, se ela sobrevivesse, tinha que continuar com as transfusões talvez até a fase adulta. Em muitos casos as crianças, quando completam um ano, diminuem as transfusões.

Bom, nessas minhas idas ao hospital e voltas dele, uma senhora, vendo meu sofrimento, mostrou-me o livro Terço da Libertação, e então comecei a rezar o terço pedindo a Jesus pela cura da minha filha. Fazia quase quatro meses que minha filha, de apenas seis meses, não precisava de transfusões; a cura veio bem antes do esperado, e a médica ficou surpresa com a melhora da minha filha.

Agradeço do fundo da minha alma a Jesus e a Nossa Senhora Aparecida por essa grandiosa graça que recebi. Que Jesus seja louvado!"
(***/Olhos d´Água)


____________________________________________________________

"Regis e Maïsa, primeiramente gostaria de parabenizá-los por terem sido iluminados por Deus, pois com inspiração nos fizeram essa oração poderosíssima que é o Terço da Libertação.

Quando era muito jovem, tive hepatite pela primeira vez; por falta de informação, não sabia que não podia tocar em álcool e, com o passar dos anos, eu fui me apro­fundando no alcoolismo e não conseguia parar de beber nunca.

Em 1999 tive hepatite pela segun­da vez e segui um tratamento que o médico passou, mas em pouco tempo voltei a beber demais e não me lembrei de que meu fígado não suportaria outra crise de hepatite; esqueci que as chances de morrer, ao adquirir a hepatite pela terceira vez, era muito grande; não me importei muito com isso, pois o alcoolismo cega as pessoas e as leva direto para a destruição.

Faltando quinze dias para eu completar 29 anos, ganhei um presente de grego: a hepatite pela terceira vez. Já havia passado por várias ressacas de matar, pedia a Deus para me levar, porque não agüentava mais tanta agonia, mas depois tudo aquilo passava e voltava a beber de novo.

Essas ressacas eram rotina em minha vida, já estava acostumado a sofrer daquele jeito e não me importava mais com a minha vida. Um dia a coisa mudou: o que eu sentia era uma ressaca muito diferente, nunca tinha sentido nada igual, era uma sensação horrível e, pela primeira vez na minha vida, pedi à minha esposa, Edivania, que me levasse ao hospital.

Chegando lá fui examinado pelo médico, ele não constatou nada e mandou a enfermeira me aplicar um soro e pronto; voltei para casa e não melhorei; os dias se passaram e eu piorava; logo depois vi que meu olho estava totalmente amarelo e foi aí que constatei que estava com hepatite pela quarta vez.

Continuei em casa e, uns dias depois, passei muito mal e fui parar de novo no hospital; chegando lá, a médica disse que não tinha o que fazer, era para eu ir para casa e ver se melhorava. Pediu para continuar com os medicamentos que estava tomando e pronto.

Fui para casa e só piorei: não agüentava nem ir ao banheiro, passava mal; se eu fosse comer passava mal; até para falar eu passava mal. E para completar, me deu uma depressão profunda: chorava feito menino e comecei a pensar nos meus filhos: como eles iam sofrer com a minha perda e como minha esposa iria sofrer para terminar de criar duas crianças inocentes, que não tinham culpa de eu ser alcoólatra.

Foi quando tomei a decisão mais certa em toda minha vida, a de nunca mais beber bebidas alcoólicas; mas, para isso, também precisava de ajuda, e daí minha sogra, dona Lindalva, ensinou-me a rezar o Terço da Libertação.

Também fui à Igreja de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e voltei a crer em Deus; apeguei-me a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Jesus Cristo e Deus Pai. Não melhorava de jeito nenhum; mas quando comecei a rezar o Terço da Libertação, as luzes do local onde eu estava começaram a piscar.

Então vi que tinha alguma coisa querendo me destruir, mas dessa vez eu estava com muita fé em Deus. Sentia-me muito fraco e mal conseguia rezar, mas com muita fé eu rezava; e as coisas foram mudando aos poucos.

Fui melhorando e quando voltei ao médico para entregar os exames ele disse: ´Graças a Deus´. Perguntei porque tinha dito isso e ele respondeu que, pelo meu quadro, era para estar com cirrose hepática, que não tem cura, mas eu estava com muita sorte.

Disse para agradecer a Deus por estar vivo e para não beber mais, que não teria mais problemas.E graças ao Terço da Libertação, que me curou do problema no fígado e da cirrose hepática e também do alcoolismo, que me mostrou uma programação de apenas 24 horas sem beber, graças a Deus já faz quase dois que não bebo.

Eu pesava sessenta quilos e tinha 1,83cm de altura, era muito magro; agora peso 94 quilos e já estou precisando fazer um regime. Hoje estou curado da hepatite, da depressão e nunca mais bebi nem pretendo beber nunca mais, tudo isso graças ao Terço da Libertacão, com ajuda de Deus Pai, Jesus Cristo e Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

O segundo testemunho: eu tinha acabado de rezar o Terço da Libertação e minha esposa chegou muito nervosa, porque seu sobrinho tinha caí­do da pia e batido a cabeça no chão com muita força e estava muito mal no hospital.

Comecei a ligar para minhas cunhadas que estavam no hospital, e as notícias não eram nada boas, pois o médico que o atendeu disse que não ia nem medicá-lo antes de outro médico fazer a tomografia com­putadorizada. 

O menino só piorava, o hospital ligou para vários médicos da cidade para que fossem ao hospital ver o caso do menino, porque era delicado, tinham que localizar um anestesista, mas eles não conseguiam localizar nenhum; eu ligava de dez em dez minutos e as notícias eram cada vez mais desanimadoras.

Foi quando me lembrei do Terço da Libertação; fui para o quarto e comecei a rezar uma novena na intenção de que o menino Eliseu, de apenas dois anos e meio de idade, ficasse curado do problema na cabeça, um problema que Deus sabia o que era.

Quando terminei de rezar e voltei para a sala, em mais ou menos cinco minutos, o marido de minha cunhada ligou e disse que o menino tinha tido uma melhora tão incrível que até os médicos ficaram surpresos. Mas, embora aliviados, ele iria passar a noite em estado de observação apenas para não haver problemas.

Foi quando eu senti que Deus Pai, Jesus Cristo e Nossa Senhora do Perpétuo Socorro tinham feito mais um milagre através do Terço da Libertação. Hoje o menino corre na rua com a vitalidade de uma criança sem nenhuma seqüela daquela queda. Amém."
(Jan/Campina Grande)


____________________________________________________________

"Tenho a mais absoluta certeza de que o acontecimento de maior importância para a minha vida foi quando minha mãe me deu de presente um livrinho chamado Terço da Libertação.

Lembro-me como se fosse hoje de suas palavras: ´Leia isso, minha filha, e veja os depoimentos que se encontram dentro desse livrinho, e perceberá a mudança que ele vai fazer para sua vida´. Como sempre, minha mãe vivia me dando mensagens, orações e palavras de força; então achei que era mais uma e não dei importância imediata.

Chegando em casa depois do almoço, comecei a ler e fui sentindo uma vontade imensa de fazer diariamente aquele terço; à medida que fui rezando, fui percebendo uma transformação positiva em meu ser e percebi o quanto precisava de algo que me tocasse, me desse confiança, motivação e principalmente despertasse a minha fé, que ainda não se tinha manifestado até aquele momento divino.

Eu sempre achei que bastava não fazer mal aos nossos semelhantes para sermos felizes. Percebi como estava enganada: foi com a descoberta do Terço da Libertação que aprendi que a felicidade maior é conversar com Deus desta forma: orando, rezando, agradecendo, pedindo e divulgando seus ensi­namentos, principalmente àquelas pessoas que não conhecem a verdadeira felicidade.

Passei dois anos desempregada, estudando para concurso, e nunca conseguia aprovação; estudava, fazia cursinho e já estava ficando desestimulada por não conseguir resultados satisfatórios. Foi quando me estipulei um prazo; se não conseguisse, iria desistir, até porque as pessoas já comentavam, as cobranças existiam e eu comecei a ter vergonha de mim mesma; tinha complexo de inferioridade e receio das conseqüências no ambiente familiar.

Só depois que tive fé e pratiquei esse bendito terço as coisas começaram a transformar meu viver. Enfim, fui atendida naquela imensa fila: um dia chegou a minha vez, fui aprovada em um concurso e passei em primeiro lugar.

Ah, como foi bom, que emoção! Como Deus me ajudou! Não consigo nem descrever o que senti! Como forma de agradecimento, dei de presente cinco livrinhos, juntamente com os terços, e passei a outras pessoas para que conheçam e sintam esse milagre que recebi. Tenham muita fé, como eu tive, no Terço da Libertação.

Quero dizer a todos que não basta rezar; temos que acreditar, ter fé e rezar diariamente. ´Nós nunca perdemos tempo conversando com Deus.´"
(Rita/Belém)


____________________________________________________________

"Eu louvo a Jesus pela graça alcançada; levei meu filho até a primeira comunhão, mas depois ele caiu nas drogas, bebia, não trabalhava enfim; trocava as roupas do corpo, tirava as coisas de dentro de casa. Eu rezava três terços todos os dias e o Terço da Libertação.

Meu marido dizia que ele não tinha conserto. Eu ficava triste e pensava que, se Deus quisesse, um dia eu alcançaria a graça e prometi publicar a graça no livro Terço da Libertação. Ele foi liberto faz mais ou menos um ano; hoje trabalha por conta própria, vai à missa todos os domingos e só ouve rádio católica.

Agradeço muito a Jesus e falo a todo mundo que tem problema: ´Não importa o tamanho, é só acreditar, porque Jesus está vivo mesmo´."
(Maria José/Divinópolis)


____________________________________________________________

"Recebi a graça da cura do meu irmão, viciado em crack. Quando soube que meu irmão era dependente da droga, foi uma grande tristeza, mas entreguei-o para Jesus e prometi que escreveria dando o meu testemunho.

Conheci o Terço da Libertação através da minha sogra e há três anos rezo o Terço da Libertação todos os dias. Não tenho mais palavras, só agradeço a Jesus, pois só Ele pode libertar uma pessoa vicia­da; quero louvar e exaltar o nome de Jesus, nosso Salvador, libertação e cura do meu irmão."
(***/Campinas)


____________________________________________________________

"Escrevo para cumprir minha promessa feita e agradecer a Nosso Senhor Jesus Cristo, nosso Deus e Salvador, a grande graça recebida através da oração do Terço da Libertação.

Quando fui fazer uma consulta de rotina ao médico, foi detectado, através de uma ultra-sonografia, um cisto no meu ovário esquerdo, medindo 4,5cm.

O médico prescreveu um medicamento para ser usado por três meses e, após esse período, eu teria que voltar a repetir a ultra-sonografia, para verificar se o cisto tinha diminuído; caso contrário, teria que fazer uma cirurgia para removê-lo; e mais, possivelmente, enquanto eu estivesse fazendo o tratamento com medicamentos, passaria por muitas dores.

Iniciei o tratamento com medicamentos, mas, antes de tomá-los, consagrei-os a Jesus e pedi ardentemente que Ele me curasse, que Ele tivesse pie­dade de mim e não me deixasse passar pelas dores que o médico havia dito que teria durante o tratamento, as quais seriam tão fortes que eu precisaria tomar uma medicação específica no hospital, quando as tivesse.

E também clamei a Jesus para que eu não tivesse que passar por uma cirurgia.Logo após, comecei a rezar o Terço da Libertação.

Passaram-se três meses, retornei ao médico para fazer o exame, na certeza de que Jesus tinha tido misericórdia de mim. Quando o médico fez a ultra-sonografia, constatou que não havia mais cisto no meu ovário.

Ficou impressionado porque, na melhor das hipóteses, o cisto teria diminuído e não desaparecido, como realmente ocorreu. E, o melhor: não tive dores durante o tratamento.

Esta não foi a primeira e tampouco será a última graça concedida por Jesus na minha vida através do Terço da Libertação, já que estava desempregada havia dez meses e, na mesma semana que alcancei a graça da restituição da minha saúde, também me foi concedida a oportunidade de um emprego, em que estou neste momento escrevendo esta carta dando meu testemunho.

Agradeço a Jesus ardentemente por essas graças concedidas e por ter tido misericórdia de mim."
(Valquíria/Araçatuba)


____________________________________________________________

"Escrevo esta carta para contar o meu testemunho e a graça recebida pelo Terço da Libertação."

Eu era um homem muito doente, com um problema muito sério no coração. Fui várias vezes a Teresina para fazer exames rigorosos e sofridos e, quando saía o resultado, o médico não me dava nenhuma esperança; a única era passar por uma cirurgia, em que as chances eram mínimas, mas, ainda assim, não tinha nenhuma condição financeira de fazer essa cirurgia.

A única solução era fazer pelo SUS; então assim foi feito, eu marquei a cirurgia.

Voltei para casa, onde recebi um presente da minha filha que morava em Brasília: era o livro Terço da Libertação. Como eu tinha muita fé em Deus, porque só Ele cura, peguei o livro, comecei a ler os testemunhos de pessoas que se curavam com grande fé e rezei, pensando nas maravilhas que Deus nos dá.

Foi chegando o dia da cirurgia e, voltando a Teresina, passei novamente por exames rigorosos e sofridos, para que eu pudesse fazer a cirurgia; foi aí que Deus mostrou o grande milagre: o médico, não acreditando no que tinha acontecido, disse que eu não precisava mais fazer operação, pois estava curado.

Então, agradeço a Deus e à minha filha por ter me dado o Terço da Libertação, no qual encontrei toda fé e força divina de que precisava.

Como promessa a Deus, mando este testemunho em nome de Jesus, e que outros encontrem a fé pedida como eu encontrei."
(José Pereira/Uruçuí)


____________________________________________________________

"Meu sobrinho Samuel, filho de minha irmã Hellen, nasceu com um problema nos rins e teria que ser operado. Seus pais se preocuparam muito porque ele sentia muita febre e dores ao fazer xixi. Foi quando me lembrei do Terço da Libertação e pedi a minha irmã que rezasse.

Comecei também a fazer a novena e pedir a Jesus que, se Ele curasse meu sobrinho, em sinal do meu agradecimento, eu enviaria meu testemunho para que fosse publicado no livro.

Quando minha irmã o levou para fazer os últimos exames, para honra e glória de Jesus não deu mais nada nos exames, porque Jesus já tinha operado o meu sobrinho.

Por isso louvo e agradeço a Jesus! E queria, em nome de Jesus, que este testemunho fosse publicado no livro Terço da Libertação, para que o mundo inteiro fique sabendo que Jesus cura, basta ter fé."
(Lauriene/Porteirinha)